Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio 7, 2014

Anuncio

Seguidores

CAMPANHA PRA VENEZUELA

CAMPANHA  PRA  VENEZUELA
PRECISA DE AJUDA HUMANITÁRIA

O Socialismo que Destrói Uma Nação

Nossos Leitores Obrigado Por Ler

DOLEIRA BRASILEIRA PRESA NA ESPANHA REVELA LIGAÇÃO DO DINHEIRO DESVIADO DA PETROBRAS E OUTROS ÓRGÃOS DO GOVERNO PETISTA NO FINANCIAMENTO DO TRÁFICO DE COCAÍNA DA MÁFIA ITALIANA NDRANGHETTA

Está presa na Espanha a doleira brasileira Maria de Fátima Stocker, gaúcha de 41 anos, nascida na município de Vicente Dutra, mas que tem os parentes morando no município de Parobé, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Maria de Fátima Stocker está presa na Penitenciária Madrid V - Soto Mayor, na Espanha, há cerca de 15 dias. Mária de Fátima Stocker foi presa pela Interpol, em uma operação na qual participaram representantes das polícias especiais da Espanha, Suiça, Inglaterra e Itália. 
Quem encaminhou à Interpol o pedido para a sua prisão foi a Polícia Federal de Santos, no litoral paulista.
A investigação que acabou levando até o pedido de prisão dela, deferido pela Justiça Federal, foi iniciativa após um alerta da polícia italiana a respeito do tráfico de duas toneladas mensais de cocaína pura, originária do Peru e da Bolívia, promovido pela máfia italiana Ndranghetta.
Os traficantes peruanos e bolivianos ingressavam no porto de Santos à noite, arrombavam contêineres com destin…

NICOLAS MADURO GENOCIDA PIOR QUE ADOLFO NAZISTA EM 1945

May 05 - Relatório de Direitos Humanos diz que quase todos os 150 das vítimas, não foram encontrados negado devido processo básico, e que muitos foram mantidos incomunicáveis ​​e negado o acesso a um advogado até minutos antes de irem ao tribunal, muitas vezes no meio da a noite.
Relatório diz que dezenas de manifestantes desarmados foram sujeitas a abusos físicos e psicológicos graves durante os protestos que deixaram pelo menos 41 mortos desde fevereiro. Abusos ter incluído ossos quebrados, a negação de tratamento médico e ameaças de estupro ou morte.

Os juízes e procuradores na Venezuela têm ignorado repetidamente evidências de abusos sistemáticos dos direitos humanos por parte das forças de segurança do governo , um grupo proeminente de direitos humanos , disse na segunda-feira.

A organização baseada em Nova York disse que documentou pelo menos 10 casos graves o suficiente para ser considerado tortura. O relatório é baseado em visitas de Março para Caracas e os estados venezuelanos d…

Marcadores

Sintonize MPF

Sintonize MPF