Nossos Leitores Obrigado Por Ler

CLEPTOCRACIA <<>> VAI ESQUENTAR A LAVA JATO <<>> POR ESSA SEMANAS <<>> EM 2003 A ELEIÇÃO DE LULA FOI FEITA POR SUBORNOS <<>> NA VENEZUELA A MESMA COISA <<>> E NA COLOMBIA 1.6 MILHÕES DE DÓLARES PAGOS PELA ODEBRECHT PARA ELEGER URIBE





RENATO SANTOS 06/02/2017  Durante 20 dias, Daniel Garcia Arizabaleta não respondeu os emails, qual o blog gazeta central enviou para se  explicar qual seu papel na rede de relações entre a campanha Odebrecht e o  presidente Oscar Ivan Zuluaga, a sua estrategia com Jose Eduardo Cavalcanti de Mendonça, o famoso 'Duda'.
José Eduardo Cavalcanti de Mendonça 'Duda' (izq.) y Daniel García Arizabaleta.

No entanto, procuramos o  advogado de política para saber qual é a sua defesa sobre a  acusação da comissão de ética do Centro Democrático onde ele foi citado para completar o quebra-cabeça de sua  candidatura à presidência Oscar Ivan Zuluaga.

"Nós não concordou em falar por agora com ninguém, mesmo Sinto muito ", ele disse a este jornal o renomado advogado criminal Ivan Cancino, onde foi apreendidos Arizabaleta Garcia, que ocupou o cargo de diretor da campanha Zuluaga, uma espécie de candidato certo, depois que seu filho David Zuluaga.

A acusação quer estabelecer se era parte da estratégia das campanhas multinacionais para se infiltrar nos potenciais vencedores em posições de poder como fizeram na VENEZUELA e  na América Latina e amarrar os grandes contratos de infra-estrutura e pagando-lhes consultoria robusto.

Nesse sentido, estabeleceu a reconstrução de uma viagem, até agora confidenciais Garcia Arizabaleta feita em fevereiro de 2014 para São Paulo e cuja alguém trilha queria apagar.

Fontes que na verdade fez uma mudança por si só pouco antes Zuluaga e seu filho David, diretor de campanha, ir ao Brasil para atender o estrategista 'Duda', que diz que parte do seu salário -1.6 milhões de dólares foi pago pela Odebrecht.

Conforme revelado ,  entrar em contato com 'Duda' Zuluaga voou na companhia do senador Ivan Duque, chefe do governo do plano de Uribe.

E Duke explicou que viajou a convite de David Zuluaga: "Ele me pediu meu número de passaporte, para comprar bilhetes e fazer reservas. Então, eu não me lembro o hotel que foram. "

Zuluaga admitiu que Daniel Garcia Arizabaleta, que tinha um contrato com a Odebrecht, disse a ele que se ele pudesse descobrir por estrategistas políticos.

Mas ninguém disse que a campanha gerente-acima cujos ombros pesa um recall e invalidez por 15 anos para a falsificação de documentos para ser cabeça de Invías- também estava na reunião com "Doubt" e outra anterior e posterior com a Odebrecht.

Zuluaga havia feito a sua campanha para ser um uribista reconhecido. Ele já havia coordenado na primeira escolha do Alvaro Uribe. 

Ele ajudou a formar as listas Democrática Congress Center, onde ele tentou entrar, apesar das sanções. Mas ele teve que se contentar alistar sua irmã Pilar, que foi queimado nas urnas. 

Por essa altura já se sabia que depois de sua demissão imediata, premiado com um contrato de consultoria com a Odebrecht, em 2010, "o processo perante o Estado".

E, embora, por enquanto, ele se recusa a falar, há outra pessoa que sabe porque Odebrecht pago um Zuluaga consultivo: Luiz Antonio Bueno, ex-diretor da Odebrecht Colômbia e que teria assistido a uma das reuniões com os quatro uribistas em um luxuoso hotel em São Paulo.

O que é agora querem estabelecer se o papel de Garcia Arizabaleta no escândalo pagamentos multinacionais escuros podem ir muito mais longe.


Seu possível envolvimento na entrega da fase Ruta del Sol II, para o qual Odebrecht pago um suborno de 6,5 milhões de dólares para o então ministro dos Transportes, Vice Gabriel Garcia Morales é investigado. 

Em 2009, Garcia Arizabaleta surgiu em uma conversa entre o empresário Miguel Nule e Garcia Morales, confessou suborno receptor brasileiro.

Na gravação, o ex vice ministro hoje confessa pressões para a atribuição da Ruta del Sol II e fala de Miguel Peñaloza, Andrés Felipe Arias e Daniel Garcia Arizabaleta.

Por enquanto, a única coisa que está claro é que 'Duda' fez campanha Zuluaga do chão. No final de novembro de 2013, em uma pesquisa da Datexco, ele marcou apenas 11,9 por cento, bem abaixo Juan Manuel Santos, que estava em sua reeleição. 

O estrategista, que o aconselhou a eleição milagrosa de Lula da Silva à presidência do Brasil em 2003, levantou Zuluaga.

A 'Doubt' é creditado com grande parte da vitória uribismo na primeira rodada. Mas também, o abalo de seus fundamentos por este escândalo.

"O futuro do partido continua a ser extremamente difícil. Estou muito preocupado ", admitiu Uribe na sexta-feira, depois de pedir eticamente investigar a campanha. 

Nesse mesmo dia soube-se que dois dos seus candidatos para as eleições presidenciais de 2018 se reuniram com 'Duda'.

A promotoria e pediu ao Brasil para enviar o quarterback testemunho e está pronto para inflamar.

"THE VOICE KIDS" MILA RAINHO JÁ COMEÇOU BEM <<>> PELO MENOS NAS REDE SOCIAIS <<>> TENHO UMA BANDA <<>> MPC <<>> ME PASSA NO CONSELHO! <<>> OBSERVANDO ELA GENTE TEM PERFIL DA CANTORA MARINA






RENATO SANTOS 05/02/2017  Uma das participantes do 'The Voice Kids', Mila Rainho, de Natal, revelou que já canta e tem uma banda na escola, chamada MPC. O que significa? Me Passa no Conselho!



Um nome bem sugerido para aqueles alunos que depende do Conselho da escola para passar, e está irizando nas redes sociais.

Virou o nome da banda melhor do Brasil, quando ela anunciou no programa, o MPC, vai virar febre exatamente  como o MAMONAS, mas, agora ela precisa marcar presença com música que vem conquistar o público, ao aparecer na tv lembrei um pouco do estilo da MARINA , quando iniciou a sua trajetória na música.

Voz ela tem, e promete a brilhar na sua carreira de cantora, além do carisma. Há uma leve semelhança entre as duas, espera-se que Mila, tenha um objetivo, talento tem, em seguir a carreira musical. O primeiro passo já foi dado.


PREFEITO DO RIO <<>> MARCELO CRIVELLA E SUA NOTA A IMPRENSA <<>> NÃO É VERDADE QUE EU NÃO ATENDO O SENADOR ROMÁRIO





RENATO SANTOS 05/02/2017  Não é verdade que eu não atendo o senador Romario. 

Quando conversamos durante a campanha, ele me pediu que cuidasse das pessoas com deficiência. A primeira coisa que fiz foi criar o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência, junto ao gabinete do prefeito, para o qual convidei o senador Romario para presidir, e tenho como testemunhas o deputado federal Otavio Leite e o deputado estadual Márcio Pacheco, que são também membros desse Conselho de notáveis na causa. 



Ele não aceitou. Naquela ocasião, também pedi ao senador Romario que indicasse o subsecretário de Esportes e o da Pessoa com Deficiência, o que ele também declinou, pelo que fui informado, por não concordar que fossem subsecretarias, medida que tive de tomar por razão da crise econômica que vivemos. 

Mesmo nessa conjuntura financeira dificílima, convoquei 950 Agentes de Apoio à Educação Infantil, que vão cuidar das crianças com deficiência na rede pública municipal de educação. 

Sei que o senador Romario está preocupado com as pessoas com deficiência, portanto não tem porquê atacar o governo. 

Fizemos em 30 dias o que não tinha sido feito em anos nos governos anteriores. E vamos fazer muito mais. Nos próximos dias, nosso Conselho e o subsecretário vão apresentar um amplo projeto para o setor, envolvendo todos os setores da administração. 

E claro, todos aguardamos que o senador Romario aceite compor o Conselho, para que tenhamos apoio no Senado, na Câmara dos Deputados e na Assembleia Legislativa, que era o nosso plano desde o início. 


Prossigo de portas abertas para recebê-lo e, assim, construirmos uma política municipal para assegurar o exercício dos direitos da pessoa com deficiência.

Anuncio

Seguidores

CAMPANHA PRA VENEZUELA

CAMPANHA  PRA  VENEZUELA
PRECISA DE AJUDA HUMANITÁRIA

As principais matérias do blog