Nossos Leitores Obrigado Por Ler

NESTA TERÇA FEIRA A C.C.J realizará uma sabatina com Participação Popular

Pela primeira vez, nesta terça-feira (12), a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) realizará uma sabatina com participação popular. 

Foto e  matéria
Agência Senado




Durante a oitiva do jurista Luiz Edson Fachin, indicado ao cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), os cidadãos podem enviar aos senadores informações sobre o indicado ou perguntas a serem feitas a ele, por meio do portal e-cidadania do Senado.

Entre as mensagens que já começaram a chegar, um internauta questiona se não deveria haver uma redução das competências do STF, para tornar o tribunal exclusivamente constitucional e garantir mais credibilidade à corte. 

Outro cidadão pergunta sobre a opinião do indicado em relação às investigações das irregularidades na Petrobras. Um terceiro participante cogita a hipótese de dissolução do Parlamento e qual seria a reação a essa suposta ameaça.

Todas as mensagens serão encaminhadas ao relator da indicação na CCJ, senador Alvaro Dias (PSDB-PR). Na opinião do diretor das Comissões do Senado, Dirceu Machado, a participação popular aproxima a atividade legislativa do cidadão.

— O objetivo do portal é estreitar a distancia entre os cidadãos e os trabalhos dos parlamentares em geral — afirmou.

Votação eletrônica

Após a sabatina, a indicação será submetida à votação secreta na CCJ, seguindo então para deliberação em Plenário. Na oportunidade também será inaugurado o painel eletrônico de alta definição da comissão, que permite o registro da presença e votação. 

Ainda foram instalados computadores com tela sensível ao toque na bancada dos senadores, que poderão usá-los para votar, examinar matérias da pauta e acompanhar mensagens.

Processo de Indicação

O atual sistema de escolha dos ministros do STF por indicação privativa do presidente da República é alvo de críticas, como aponta estudo do consultor do Senado Roberto da Silva Ribeiro.

Na análise crítica sobre o processo de indicação, o principal argumento é que esse modelo eminentemente político, historicamente adotado pelo Brasil e previsto em todas as Constituições, “pode acarretar uma indesejável ligação entre o Supremo Tribunal Federal e o presidente da República, caso o Senado Federal não exerça de forma efetiva a sabatina dos indicados”.

O estudo sugere a aprovação de duas Propostas de Emenda à Constituição (PECs) - 342/2009 e 449/2014 - que tramitam na Câmara e asseguram a participação dos três Poderes no processo de escolha dos 11 ministros do STF, além de estipular um mandato fixo para os membros do tribunal.

CHEGA DE MENTIRAS, EDUARDO CUNHA E MICHEL TEMER O PASSADO DO PMDB CONDENA OS SENHORES EM SEUS QUADRO HÁ GENTE DO ANTIGO MOVIMENTO DE GUERRILHA MR-8.5 , É UM PARTIDO QUE VERGONHA TODOS NÓS

O que  posso  esperar de  EDUARDO  CUNHA, que  mostra  de vez  o nome de traidor pois  pegou muito  mal  ele comparecendo  ao lado  do LULA  num casamento, o lugar dele é  no Congresso e  não bajulando os  traidores  do País, que  já tinha  manchado a  HISTÓRIA  DO  PMDB,  como partido de terrorista  já  não chega  o seu  vice-Presidente  Michel temer ter  virado  um traidor da  Nação.

Para quem não  conhece a  trajetória  do  PMDB, que  já  foi denominado  partido  do Brasil, vamos aqui descrever:

Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) é o maior partido político brasileiro, com 2 355 472 filiados (maio de 2012), apesar de não ter até hoje elegido nenhum Presidente da República através do voto direto. 

Fundado em 1980, possui uma orientação política centrista.É sucessor do Movimento Democrático Brasileiro, legenda de oposição ao Regime Militar de 1964. 

É um dos grandes "catch-all parties" brasileiros, incluindo desde políticos social-democratas como José Sarney a liberais convictos como Pedro Simon, além de nomes da esquerda-liberal como Roberto Requião, populistas como Iris Rezende, nacionalistas como Orestes Quércia, líderes empresariais como Paulo Skaf, bem como membros do antigo movimento de guerrilha MR-8.5


Com a posse de Luiz Inácio Lula da Silva em 1º de janeiro de 2003 houve gestões para agregar o partido à coalizão situacionista, entretanto as negociações só viriam a se concretizar em janeiro do ano seguinte quando foram oferecidos ao PMDB os ministérios das Comunicações, Minas e Energia e Previdência Social. 

Lideranças outrora alinhadas a Fernando Henrique se aproximaram do governo e assim José Sarney e Renan Calheiros (duas vezes) ocuparam a presidência do Senado entre 2003/2007 e João Henrique a presidência dos Correios. 

No segundo mandato de Lula o partido perdeu a Previdência Social mas foi contemplado com Gedel Vieira Lima no Ministério da Integração Nacional e com a escolha de Nelson Jobim para o Ministério da Defesa. 

Ao todo o PMDB detém seis ministérios. No sentido inverso senadores como Pedro Simon, Mão Santa e Jarbas Vasconcelos se mantêm na oposição. Hoje Renan Calheiros preside o Senado e o paulista Michel Temer presidiu a Câmara dos Deputados, sendo o atual vice-presidente da república e presidente do partido.

O PMDB é criticado por ter hoje uma postura muito diversa dos tempos em que era liderado por Ulysses Guimarães.


O PMDB é o partido político brasileiro que possui o maior número de filiados, bem como de prefeitos e vereadores, além de ter a maior representação no Congresso Nacional. Seu código eleitoral é o 15.6

Instalado o Regime Militar de 1964, as forças políticas foram compelidas à reorganização porque o Ato Institucional Número Dois, de 1965, extinguiu os treze partidos existentes no Brasil. Os adeptos do novo governo se reúnem na Aliança Renovadora Nacional (ARENA) enquanto que seus opositores fundam o Movimento Democrático Brasileiro (MDB) em 1966.

Tais acontecimentos foram precipitados pelos resultados das eleições para governador em onze estados, havidas em 1965, onde, embora o governo tenha vencido a maioria das disputas, a oposição triunfou com Francisco Negrão de Lima na Guanabara e Israel Pinheiro da Silva em Minas Gerais, ambos do PSD.

Cientes de que seria trabalhoso lidar com a ordem política vigente, os militares baixaram, então, o Ato Institucional Número Dois em 27 de outubro de 1965 extinguindo treze agremiações partidárias instituindo o bipartidarismo, pois as exigências de votação mínima e de número de filiados para se formar partidos políticos foram elevadas impossibilitando a existência de pequenos partidos. Ante a nova realidade, a maioria dos políticos da UDN e do PSD migraram para a ARENA. Por outro lado, políticos do PTB e dissidentes do PSD ingressaram no MDB, que desde o primeiro instante abrigou políticos dos "clandestinos" PCB e PCdoB.

Tolhido por uma legislação casuística e punido com as cassações impostas aos seus membros, o MDB teve um desempenho ínfimo nas eleições legislativas de 1966 e 1970 e nas eleições municipais de 1968, e seus membros chegaram a considerar a dissolução da legenda, postura revertida quando o senador Oscar Passos passou o comando do MDB a Ulysses Guimarães após a derrota de 1970, ano em que o partido quase foi extinto devido a baixa votação nas eleições para deputado federal e para senador, e quase não obteve o mínimo exigido por lei para poder ter representação na Câmara dos Deputados e no Senado Federal.

Na década de 1970 os membros do MDB se dividiam entre os moderados e autênticos, os primeiros defendendo negociações pontuais com o governo militar e os demais pregando a derrubada do regime, mesmo à força. Nas eleições municipais de 1972 o MDB sofreu mais uma grande derrota.

Disposto a enfrentar o status quo segundo as regras impostas pelo mesmo, a oposição apresenta Ulysses Guimarães e Barbosa Lima Sobrinho como "anticandidatos" à Presidência e vice-presidência da República nas eleições indiretas de 15 de janeiro de 1974 na qual o General Ernesto Geisel venceu Ulisses Guimarães por ampla maioria (400 votos a 74) no colégio eleitoral formado pelos deputados e senadores e por representantes enviados das assembleias legislativas dos estados.

Logo em seguida, em 15 de novembro de 1974, houve uma virada eleitoral e coube ao MDB ocupar quase três quartos das vagas em disputa para o Senado e duplicar sua bancada na Câmara dos Deputados. Com uma oposição robusta o governo militar apelou para embustes como o Pacote de Abril, em 1977, que ajudariam a conservar a escassa maioria governista após as eleições de 1978, graças inclusive ao artifício dos senadores biônicos.

Demonstrativo claro de tal circunstância foi o fato de que na eleição do General João Figueiredo para a Presidência da República o candidato oposicionista Euler Bentes Monteiro conseguiu mais de quarenta por cento dos votos no Colégio Eleitoral em 1978.

A Reforma partidária de 1980[editar | editar código-fonte]
O PMDB surgiu em 15 de janeiro de 1980 após a nova Lei dos Partidos Políticos ter resgatado o pluripartidarismo. Os militares visavam assim enfraquecer o MDB ao obrigarem a renomeação de todas as agremiações, exigindo de todos o designativo de "partido" no início do seu nome. Esses ditames incutiram no MDB a necessidade de uma continuação programática e nisso Jorge Singh, presidente do diretório municipal do MDB em Guarulhos, sugeriu o acréscimo da letra "P" à sigla "MDB" de modo a preservar o nome tradicional.7

Extinta a ARENA os governistas criam o PDS. Como amálgama do antigo quadro bipartidário Tancredo Neves funda o PP e lideranças sindicais paulistas constituem o PT, liderados por Luiz Inácio Lula da Silva. Por fim, a disputa pelo legado de Getúlio Vargas resulta na recriação do PTB liderado por Ivete Vargas (sua sobrinha-neta) e pela fundação do PDT por Leonel Brizola, petebista histórico. O antigo MDB perdia então o monopólio das oposições.

Temeroso quanto a um novo avanço da oposição o governo adia as eleições municipais de 1980 por meio de uma emenda constitucional do deputado Anísio de Souza e posteriormente implementa um pacote eleitoral que proíbe as coligações, institui a sublegenda e o voto vinculado nas eleições gerais de 1982, medidas que inviabilizaram o Partido Popular de Tancredo Neves e levaram suas lideranças a optarem pela incorporação ao PMDB com os dissidentes seguindo rumo ao PDS.

As eleições de 1982[editar | editar código-fonte]
Em 15 de novembro de 1982 o partido elegeu nove governadores: Franco Montoro em São Paulo e Tancredo Neves em Minas Gerais e triunfou nos três estados do Norte onde houve eleições (Gilberto Mestrinho no Amazonas, Jader Barbalho no Pará e Nabor Júnior no Acre), além de vencer com Gérson Camata no Espírito Santo, José Richa no Paraná, Iris Rezende em Goiás e Wilson Martins em Mato Grosso do Sul. Apurados os votos ficou estabelecida a polarização entre o PDS e o PMDB embora o PDT tenha conquistado o governo do Rio de Janeiro com Leonel Brizola.

Mesmo entrevado pelos casuísmos do voto vinculado (sistema no qual o eleitor era obrigado a votar apenas em candidatos de um mesmo partido) e das sublegendas (no caso das disputas para o Senado Federal e para as prefeituras, os partidos podiam apresentar mais de um candidato), o PMDB elegeu nove senadores, duzentos deputados federais, quatrocentos e quatro deputados estaduais e mil trezentos e setenta e sete prefeitos.

Ao longo da década de 1980 o PMDB colheu os frutos de sua pregação oposicionista durante os anos de governo militar em razão de seu desempenho nas eleições de 1982 enquanto que nas hostes do governo os debates acerca da sucessão presidencial expunham fissuras à medida que tanto nomes civis quanto militares eram aventados como alternativas à continuidade do regime. Ausente o consenso no PDS, o presidente João Figueiredo abdicou de coordenar a escolha de seu sucessor e nisso o vácuo político foi ocupado pela oposição, tendo o PMDB à frente.

Diretas Já[editar | editar código-fonte]
Em 31 de março de 1983 foi realizado no município pernambucano de Abreu e Lima o primeiro comício a favor do restabelecimento das eleições diretas para Presidente da República,8 evento basilar do movimento Diretas Já, cujo elemento aglutinador foi a emenda Dante de Oliveira, assim denominada em homenagem ao autor da preposição.

Logo vieram os comícios em São Paulo e Olinda ao final do ano e durante os quatro primeiros meses de 1984 uma série de passeatas, manifestações e comícios eclodiram pelo país em apoio a causa liderados por Ulysses Guimarães, denominado como o "Senhor Diretas", Franco Montoro e Tancredo Neves. Todavia, uma manobra regimental do governo derrubou a emenda em votação realizada na Câmara dos Deputados em 25 de abril de 1984.

Tancredo Neves e o Colégio Eleitoral[editar | editar código-fonte]
Ao frustrarem as eleições diretas, as forças governistas acabaram propiciando o surgimento de Tancredo Neves como alternativa à sucessão de João Figueiredo. A essa altura alguns presidenciáveis do PDS refluíram em suas pretensões e a derrota de Mário Andreazza frente a Paulo Maluf na convenção havida em agosto de 1984 sacramentou o apoio dos dissidentes do PDS a Tancredo Neves através da indicação do senador José Sarney como vice-presidente na chapa que venceu Maluf por 480 votos a 180 no Colégio Eleitoral em 15 de janeiro de 1985, havendo 26 abstenções.

A morte de Tancredo frustra os anseios da nação quanto ao cumprimento de suas promessas de campanha, mas a postura ínclita de Ulysses Guimarães e as multidões presentes às exéquias do líder morto produzem o ambiente necessário para uma transição pacífica. Nesse ínterim o vice-presidente José Sarney assume o governo e põe em marcha as metas da Nova República.


O PGR, chamado de Procurador-geral da República é o chefe do Ministério Público da União e do Ministério Público Federal, e também atua como procurador-geral eleitoral. 


Ele é nomeado pelo presidente da República e seu nome deve ser aprovado pela maioria absoluta do Senado Federal.

O atual procurador-geral da República do Brasil, para o biênio 2013-2015,  é Rodrigo Janot. A nova indicação da Presidente Dilma deverá ocorrer no mês de Setembro/2015.

De acordo com a notícia publicada na coluna expresso(da Revista Época), o PMDB irá para a oposição se o governo cogitar a hipótese de reconduzir Rodrigo Janot para o cargo de procurador-geral da República em setembro. Palavra de Eduardo Cunha.

por falta de vitama "a" : EDIR MACEDO COMO CHAMA ISSO: NO PARANÁ PRECISAMENTE EM MARINGA A COISA FEIA , UM HOMEM COM ESPIRITO DE POMBA GIRA ENFIOU UMA CENOURA NO ANUS , É MEU POVO PRECISA FREQUENTAR SESSÃO DE DESCARREGO URGENTE

Um homem casado. Uma ideia de jerico. E uma cenoura. Parece que você já viu esse filme, com outros atores. O fato é que, novamente, Maringá é palco de uma história bizarra envolvendo plantas, sexo e hospitais.


"Amor, fiz coisa errada!" Ao ouvir essa frase, a mulher suou frio ao pensar que o marido colocaria fim no casamento de vários anos, confessando uma traição. 

O que ela não imaginava é que a rival tinha um corpo afilado, pele em tons alaranjados, vasta cabeleira verde e pertence à tradicional família das apiáceas.

Foi assim que um homem comunicou à esposa que havia introduzido uma cenoura no traseiro e a planta não fazia o caminho de volta. O caso aconteceu neste ano e exigiu cirurgia de emergência.

O homem estava em casa quando, não se sabe o motivo, fa  ce  conta que  acredito resolveu enfiar a planta inteira no próprio ânus - e a cenoura entalou lá.

Após a confissão, todos os envolvidos no caso foram parar no hospital.

Para retirar a cenoura, foi necessário aplicar no homem uma raquianestesia - procedimento geralmente usado em partos por cesárea, no qual o paciente perde toda a sensibilidade da cintura para baixo.

Fontes médicas de o diario.com alertaram que, em virtude de suas propriedades e composição, a cenoura não aparece no raio-x, tornando mais complexa a intervenção cirúrgica.

As mesmas fontes informaram que a cenoura tinha um tamanho avantajado, pesando quase duzentos gramas. A título de curiosidade, é bom lembrar que apenas cem gramas de cenoura são suficientes para suprir as necessidades diárias de vitamina A de um ser humano, quando consumidas de maneira normal.

Após a cirurgia, o paciente recebeu alta e voltou para casa. Especula-se que a esposa providenciou um cadeado para a despensa e trocou cenouras, berinjelas e afins por alface.

NOVA ESPERANÇA O SETOR ADMINISTRATIVO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA ESPERANÇA AMANHECEU FECHADA E NOA DEMAIS DIAS FUNCIONARÁ 1/2 PERÍODO MOTIVO REIVINDICAÇÕES FEITAS AO GOVERNO FEDERAL PARA O REPASSES DE VERBAS PÚBLICAS NÃO ATENDIDAS

ATENÇÃO NOVAESPERANCENSES: Conforme deliberação aprovada em reunião da Associação dos Municipios do Setentrião Parananense. (AMUSEP), no último dia 08 de maio com os deputados federais e Senadores ficou decidido que:


O setor administrativo das prefeituras pertencentes a microregião em pauta, estarão fechadas aos contribuintes nesta segunda feira dia 11 o dia todo, portanto não haverá expediente. O restante da semana o atendimento será efetuado somente no expediente da manhã (1/2 período). 


O motivo da paralisação é em virtude das reivindicações feitas junto ao Governo Federal para melhores repasses aos municípios, que sofrendo com as seguidas e drásticas reduções no repasse do Fundo de Participação dos Municípios (F.P.M.). Certos de contarmos com a sua compreensão, agradecemos. 


A nota do Gabinete foi emitida ás (13,30) após reunião do Prefeito Gerson Zanusso, se optaria ou não pela adesão ao protesto.

AEROPORTO INTERNACIONAL DE GUARULHOS, JÁ PRENDEU UMA VENEZUELANA, UMA MALASIANA E NESTE ULTIMO SÁBADO UM TURCO TRÁFICO INTERNACIONAL DE DROGAS

A Polícia Federal apreendeu na última sexta-feira (8), no Aeroporto Internacional de Guarulhos, uma mulher de 49 anos, com 8 kg de cocaína.

De acordo com informações da PF, agentes realizavam fiscalização de rotina na fila do check-in de voo com destino a Kuala Lumpur, na Malásia, quando abordaram uma passageira natural daquele país para verificação de seus documentos e entrevista.


 A suspeita, ficou nervosa com a abordagem e foi conduzida à delegacia para uma busca pessoal e revista das bagagens. Dentro de duas maletas para notebook foram encontrados 5 volumes contendo substância suspeita que, após a realização da perícia, foi identificada como cocaína totalizando 8 Kg. A mulher foi presa em flagrante.

No sábado (09), agentes da Polícia Federal prenderam um homem de 48 anos, também no Aeroporto de Guarulhos. Ainda segundo a PF, durante inspeção em um voo procedente de Istambul, na Turquia, um passageiro que havia escolhido o canal de inspeção alfandegária foi selecionado para que submetesse suas bagagens ao raio-x.

As imagens do aparelho revelaram a existência de uma grande quantidade de comprimidos no interior da bagagem. A mala foi aberta e dentro de um fundo falso foram encontrados 4 pacotes onde estavam acondicionados os comprimidos.

O passageiro foi conduzido à delegacia onde foi realizada perícia no material. Os exames periciais identificaram a substância como ecstasy totalizando 30 mil comprimidos. O homem de 48 anos, natural da Turquia, recebeu voz de prisão. 

CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS : Comissão de Administração decide contrariamente a PL que cria função de aprendiz

por Renata Moreira
Nico Rodrigues 
         

A Comissão Técnica de Administração e Funcionalismo decidiu pelo parecer contrário ao PL 7365/2013 que institui a função de Aprendiz do Serviço Público analisado durante a reunião desta quinta-feira (7).
Os vereadores Geraldo Celestino (PSDB) e Mauricio Brinquinho (PT) tomaram a decisão em função da existência da Lei intitulada Programa Jovem Trabalhador (5.843/02) já tratar sobre o assunto.


A lei de 2002 prevê a função de aprendiz para jovens entre 16 e 21 anos, portanto a Comissão decidiu sugerir ao autor do projeto, vereador Luiz Matogrosso (PP), a apresentação de uma emenda à lei em vigor reduzindo a faixa-etária para 14 anos, conforme pressupõe o projeto assinado por ele. 

DESENVOLVIMENTO URBANO

A Comissão Técnica de Desenvolvimento Urbano e Econômico analisou três projetos na reunião desta quinta-feira. Os vereadores Heleno Metalúrgico (PDT) e Verinha Souza (PT do B) decidiram pelo parecer favorável ao Projeto de Lei 3971/2014 que “Dispõe sobre a criação de estacionamentos de bicicletas em locais abertos à frequência de público”, de autoria do vereador Vitor da Farmácia (PROS).

Os parlamentares decidiram contrariamente ao PL 7403/2012 sobre “Criação de portais turísticos em todas as avenidas que fazem divisa da Cidade com outros municípios”, de autoria do vereador Pastor Anistaldo (PSB). O autor propõe a inscrição da frase “Feliz a Nação cujo Deus é o Senhor”, nos portais. Fato criticado pela comissão por entender que o Estado é Laico.

A mesma decisão atingiu também o PL 086/2011 que “Autoriza o Executivo Municipal, através do Serviço Autônomo de Água e Esgoto ou da Secretaria de Obras do Município, contratar por meio de procedimento licitatório pertinente, empresa para substituição de toda nossa rede de distribuição de água”, de autoria do vereador Eduardo Soltur (PSD). A comissão entende que a Prefeitura não precisa de autorização para tal serviço, portanto o projeto não teria eficácia. 

GUARULHOS : JARDIM FORTALEZA INVESTIMENTO DE R$ 768,5 MIL PARA ASFALTAR AS RUAS DO BAIRRO

A Prefeitura de Guarulhos já iniciou a segunda fase dos serviços de pavimentação, drenagem e implantação de guias e sarjetas no Jardim Fortaleza, em continuidade ao projeto iniciado no ano passado pela avenida Nair Costa de Oliveira. 



Com investimento R$ 768,5 mil, provenientes de uma emenda parlamentar do deputado estadual Alencar Santana, serão asfaltadas mais 13 ruas do bairro ao longo dos próximos meses.

 "As intervenções estão de acordo com compromisso assumido pela Prefeitura, não só com a população do Fortaleza, mas também de outras regiões da cidade", afirmou o prefeito Sebastião Almeida.

Na manhã desta quinta-feira, dia 7, Almeida fez uma vistoria técnica nas obras, acompanhado do secretário municipal de Obras Marco Antonio Toledo. As obras nas ruas Medéia Escardina Mariano e Adelaide de Brito Tavares já estão concluídas. Nas demais ruas, os funcionários contratados pela Prefeitura estão executando serviços de drenagem e a construção de guias e sarjetas.
Almeida também esteve na rua Adelaide de Brito Tavares



São as ruas dos Evangélicos, Kazuo Fuji Chimizu, Henrique Rodrigues Peres, Sebastião Palmeira Junior, Guenter Stahl, Paulo Sérgio de Abreu, Inácio Amaral de Brito, Francisca Maria Vieira, além de um trecho da estrada velha de Nazaré. Já a rua José Tavares da Silva está com o processo licitatório em andamento.

"A pavimentação das ruas do Fortaleza é um pedido antigo da população, mas até bem pouco tempo atrás havia restrições de ordem legal para executamos esses serviços", lembrou o prefeito. Segundo ele, a obra realizada no ano passado na rua Nair Costa de Oliveira, uma das principais do bairro, foi uma conquista importante de todos os moradores. "Esse tipo de iniciativa é importante porque, inclusive, melhora a saúde da população que vive nessas ruas e traz mais qualidade de vida para todos", concluiu o prefeito.

SENADO FEDERAL E O PMDB PERDE O SENADOR LUIZ HENRIQUE DA SILVEIRA, CONHEÇA A SUA BIOGRAFIA

O senador Luiz Henrique da Silveira, de 75 anos, passou mal no início da tarde deste domingo e morreu em um hospital de Joinville, as 15h15min. Ele estava em casa, no bairro Boa Vista. 


Durante a manhã, o senador estava em Itapema, onde se recuperava de uma fratura no pé, e chegou em Joinville para o almoço do Dia das Mães. Por volta das 13h30min, LHS pediu ajuda para subir as escadas que levam ao seu quarto.

Segundo relatos do assessor de Luiz Henrique, José Augusto Gayoso, foi neste momento que o senador começou a passar mal e reclamou que estava com falta de ar. 

O Samu foi acionado e a equipe constatou a parada cardiorrespiratória. O doutor Pedro Magalhães, casado com uma sobrinha de LHS, foi acionado pela família e também foi à residência para prestar atendimento.

Levado pelo Samu ao Hospital da Unimed, Luiz Henrique foi atendido por pelo menos 15 profissionais durante cerca de 90 minutos. Durante o atendimento, ele chegou a apresentar pulso por cerca de cinco minutos, mas a morte foi registrada às 15h15min.

Luiz Henrique não tinha histórico de problemas no coração, mas os médicos já haviam o alertado sobre sobrepeso e o excesso de atividades. 

— Luiz Henrique tinha apenas dois problemas de saúde nestes últimos anos: nos rins e na visão. Ele fazia exames regularmente. Agora, estava com esta fratura no tornozelo — relatou o assessor de imprensa e amigo José Augusto Gayoso, que coordenou a coletiva de imprensa. 

Há cerca de duas semanas, o senador acompanhava o governador Raimundo Colombo em visita às obras do Hospital Regional Hans Dieter Schmitd, em Joinville, quando sofreu uma forte torção no tornozelo ao pisar em um desnível do terreno, fraturando a fíbula do pé esquerdo.

Apesar da fratura, Luiz Henrique continuou a cumprir a agenda e viajou a Rio Negrinho, Xanxerê e Ponte Serrada. Ele foi atendido apenas na noite de sexta-feira pelos médicos Drs. Adrano Mauricio dos Santos e Valdir Steglich, que recomendaram repouso absoluto nas duas semanas seguintes. 

LHS cumpria as orientações médicas em Itapema até a manhã deste domingo, deixando a perna imobilizada e tomando as medicações. Nesta segunda-feira, ele retornaria as atividades, com uma agenda que seria feita apenas em Joinville para garantir a recuperação total.

A mulher de LHS, Ivete Appel da Silveira, foi ao hospital acompanhada de outros familiares. Colegas da política também estiveram no local. Ele deixa dois filhos e três netos.

O velório ocorre no Centreventos Cau Hansen, em Joinville. O enterro será no fim da tarde de segunda-feira.

A  BIOGRAGFIA  DE UM SENADOR 

Filho de Moacir Iguatemy da Silveira e Delcides Clímaco da Silveira, Luiz Henrique nasceu em Blumenau, Santa Catarina, em 25 de fevereiro de 1940, mudando para Florianópolis ainda muito novo. Casado com a brusquense Ivete Marli Appel da Silveira, tem dois filhos: Cláudio e Márcia da Silveira. É formado em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina.
Depois de intensa participação na política estudantil, tornou-se professor de História Geral do Colégio Coração de Jesus, em Florianópolis. Em 9/2/1966 transferiu-se para Joinville, onde montou sua banca de advocacia e ministrou aulas de Português e História Geral no Colégio Bom Jesus e de Direito Público e Privado na atual Univille.
Sua vida pública teve início em 1971, quando elegeu-se presidente do Diretório Municipal do MDB de Joinville. Depois disso, sua trajetória política foi uma sucessão de vitórias. Elegeu-se para dez mandatos eletivos consecutivos, sempre pelo MDB/PMDB.
Exerceu a presidência do Diretório Nacional do PMDB no período 1993-1996 e assumiu o Ministério de Estado da Ciência e Tecnologia entre 1987-1988.
T-te. Dom Luiz Maurício da Silveira (3-6-1805-1817)
Governou SC entre (1810-1817)
FORMAÇÃO ACADÊMICA
- Primário: Escola Dona Antonieta de Barros, Florianópolis (1947-1950)
- Ginásio: Colégio Catarinense e Instituto Estadual de Educação Dias Velho, Florianópolis (1951-1955)
- Clássico: Instituto Estadual de Educação Dias Velho, Florianópolis (1956-1959)
- Universitário: Direito na Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis (1960-19565) 

MANDATOS ELETIVOS

Deputado Estadual (1973-1975) 7.299 votos
Deputado Federal (1975-1977) 55.032 votos
Prefeito de Joinville (1977-1982) 40.158 votos
Deputado Federal (1983-1987) 121.434 votos
Deputado Federal (Constituinte) (1987-1991) 81.368 votos
Deputado Federal (1991-1995) 49.517 votos
Deputado Federal (1995-1997) 99.518 votos
Prefeito de Joinville (1997-2000) 91.561 votos (1 turno) 112.469 votos (2 turno)
Prefeito de Joinville (2001-2004) 115.280 votos
Governador de Santa Catarina (2003-2006) 918.615 votos (1 turno) 1.512.447 votos (2 turno)
Governador de Santa Catarina (2007-2010) 1.601.181 votos (1 turno) 1.685.184 votos (2 turno)
Senador (2011-2019) 1.784.019 votos 

CARGOS PÚBLICOS

- Escrivão (1958-1965)
- Titular da Cadeira "Princípios de Supervisão e Liderança" da Faculdade de Engenharia (FEJ-UDESC) (1967-1974)
- Titular da Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados (1993-1995-1997)
- Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia (1987-1988)
- de Balneário Camboriú (2009)

ATIVIDADE PARLAMENTAR

- Propositor e presidente da Comissão Parlamentar Externa da Assembléia Legislativa de Santa Catarina, que obteve a inclusão do Porto de São Francisco do Sul e da BR-280 (São Francisco do Sul São - São Bento do Sul) no programa federal "Corredores de Exportação" (1973)
- Líder da bancada do MDB na Assembléia Legislativa de Santa Catarina (1974-1975)
- Membro da Comissão de Constituição e Justiça da Assembléia Legislativa de Santa Catarina (1974-1975)
- Vice-presidente da Comissão de Finanças e Orçamento da Assembléia Legislativa de Santa Catarina (1974-1975)
- Titular da Comissão de Trabalho e Legislação Social da Câmara dos Deputados (1975-1976)
- Vice-líder da bancada do PMDB na Câmara dos Deputados (1983)
- Suplente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados (1983-1984)
- Primeiro vice-líder da bancada do PMDB na Câmara dos Deputados (1985-1986)
- Líder da bancada do PMDB na Câmara dos Deputados (1987)
- Titular da Comissão do Poder Legislativo na Comissão de Organização dos Poderes e Sistema de Governo da Assembléia Nacional Constituinte (1987)
- Suplente da Comissão de Sistematização da Assembléia Nacional Constituinte (1987-1988)
- Titular da Comissão de Redação da Assembléia Nacional Constituinte (1988)
- Relator da nova Lei de Informática (1990)
- Primeiro-secretário da Câmara dos Deputados (1990-1991)
- Primeiro-secretário do Congresso Nacional (1990-1991)
- Titular da Comissão de Ciências e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara dos Deputados (1991)
- Membro da Comissão Parlamentar para o Aperfeiçoamento dos Trabalhos Administrativos e Legislativos da Câmara dos Deputados (1991)
- Suplente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados (1991)
- Titular da Comissão de Ciência e Tecnologia da Câmara dos Deputados (1991-1993)
- Titular da Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados (1993-1995-1997) 
- Membro Titular das Comissões de Justiça, Assuntos Econômicos, Relações Exteriores, Ciência e Tecnologia e Meio Ambiente do Senado Federal (2011-Atualmente)
- Relator do Código Florestal nas Comissões de Justiça, Agricultura e Ciência e Tecnologia do Senado Federal (2011-2012)
- Membro da Comissão Externa que representou o Senado Federal na Conferência da ONU, Rio+20 (Junho/2012)
- Presidente da Comissão Senado do Futuro (2013-Atualmente)
- Vice-Presidente da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado Federal (2014-Atualmente)
- Vice-Presidente da Comissão de Relações Exteriores do Senado Federal (2015-Atualmente)

OBRAS PUBLICADAS

- Curso Básico de Direito do Trabalho na Udesc (1969)
- O Gesto e a Palavra (1975)
- O Exercício da Legalidade (1976)
- Sempre aos Domingos, Editora Horizonte, Brasília (1995) 

CONDECORAÇÕES

- Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho (Grau Comendador)
- Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho (Grau Cavalheiro)
- Ordem do Mérito Almirante Tamandaré (Ministério da Marinha)
- Ordem do Mérito do Rio Branco (Grau Comendador)
- Ordem do Mérito do Rio Branco (Grau Cavalheiro)
- Ordem do Mérito do Congresso Nacional
- Ordem do Mérito do Estado Maior das Forças Armadas
- Ordem do Mérito Santos Dumont (Ministério da Aeronáutica)
- Ordem do Mérito Militar (Estado Maior das Forças Armadas)
- Ordem do Mérito Naval (Ministério da Marinha)
- Ordem do Mérito Tiradentes (Governo de Minas Gerais)
- Ordem do Mérito de Brasília
- Ordem do Mérito Casa Ruy Barbosa (Rio de Janeiro)
- Ordem do Mérito Sesquicentenário da Assembléia Legislativa de Santa Catarina
- Medalha Anita Garibaldi (Governo de Santa Catarina)
- Medalha do Pacificador (Exército Brasileiro)
- Ordem da Machadinha (Sociedade Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville)
- Diploma de Honra ao Mérito pela atuação na Assembléia Nacional Constituinte - Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP)
- Medalha de Honra ao Mérito da Sociedade Cartográfica Brasileira (Rio de Janeiro)
- Medalha do Visitante Ilustre da Universidade Federal de Santa Maria (Rio Grande do Sul)
- Medalha da Universidade de Aachem (Alemanha)
- Medalha de Visitante Ilustre da Universidade de Havana (Cuba)
- Medalha de Visitante Ilustre do Senado Federal (México)
- Destaque Esportivo "Troféu O Jornaleiro" (A Notícia)
- Destaque Esportivo "Esportista do Ano" (RBS TV - Joinville)
- Medalha de Visitante Ilustre da Câmara dos Deputados (México)
- Medalha do Mérito Cultural (Minc)
- Medalha do Mérito do Piauí
- Mérito Lojista 2001 (CDL Joinville) 
- Medalha Grão-Mestre da Ordem do Mérito Brasília (Distrito Federal)
- Medalha do Mérito Conde D´EU - Prefeitura de Orleans (Portugal)
- Medalha do Mérito do Tribunal de Contas de SC (Grau Grande Mérito)
- Medalha Alexander Pushkin, que corresponde à Ordem do Merito Cultural da Federação Russa
- Medalha de Mérito Francisco Dias Velho (Câmara Municipal de Florianópolis)
- Ordem do Mérito Cultural Bolshoi Brasil (Escola do Teatro Bolshoi no Brasil)
- Ordem do Mérito Grande Insígnia de Ouro (República da Áustria)
CIDADÃO HONORÁRIO

- de Florianópolis (1989)
- de Garuva (1995)
- de Barra Velha (1995)
- de Corupá (1995)
- de São Francisco do Sul (1996)
- de Joinville (2000)
- de Joaçaba (2003)
- de Vargem (2003)
- de Blumenau (2003)
- de Matos Costa (2004)
- de Urubici (2004)
- de Ipuaçu (2004)
- de São José (2005)
- de Palhoça (2005)
- de Marema (2005)
- de Santo Amaro da Imperatriz (2005)
- de Xaxim (2005)
- de Anita Garibaldi (2005)
- de Santiago do Sul (2006)
- de Ituporanga (2006)
- de Canoinhas (2006)
- de Papanduva (2006)
- de Navegantes (2006)
- de Leoberto Leal (2006)
- de Balneário Barra do Sul (2006)
- de São José do Cerrito (2006)
- de Imbituba (2006)
- de Rio do Sul (2006)
- de São João Batista (2006)
- de Laguna (2006)
- de Campos Novos (2006)
- de Jaraguá do Sul (2007)
- de Saltinho (2007)
- de São Lourenço do Oeste (2007)
- de Porto União (2007)
- de Major Gercino (2007)
- de Cunha Porã (2007)
- de Biguaçú (2007)
- de Antonio Carlos (2007)
- de Governador Celso Ramos (2007)
- de Paial (2007)
- de Campo Alegre (2007)
- de São Carlos (2008)
- de Curitibanos (2008)
- de Coronel Martins (2008)
- de Timbó Grande (2008)
- de Chapecó (2008)
- de Orleans (2008)
- de Braço do Norte (2008)
- de Urussanga (2008)
- de Imbuia (2008)
- de Chapadão do Lageado (2008)
- de Xanxerê (2008)
- de Indaial (2008)
- de Brusque (2008)
- de São João do Oeste (2008)
- de Araranguá (2008)
- de Monte Castelo (2008)
- de Frei Rogério (2008)
- de Pomerode (2009)
- de São Bernardino (2009)
- de São Pedro de Alcântara (2009)
- de Bela Vista do Toldo (2009)
- de São Miguel do Oeste (2009)
- de São Joaquim (2009)
- de Urupema (2009)
- de Lauro Muller (2009)
- de Otacílio Costa (2009)
- de Mafra (2009)
- de Barra Velha (2009)
- de Içara (2009)
- de Criciúma (2009)
- de Treze Tílias (2009)
- de Balneário Camboriú (2009)
- de Irani (2010)
- de Correia Pinto (2010)
- de Itapoá (2010)
- de Guaraciaba (2010)
- de Caçador (2010)
- de Barra Bonita (2010)
- de Cerro Negro (2010)
- de Tijucas (2010)
- de Fraiburgo (2010)
- de Modelo (2010)
- de Gaspar (2010)
- de Itapiranga (2011)
- de Tigrinhos (2011)
- de Itajaí (2014)
- de Nova Veneza (2014)
- de Santa Rosa de Lima (2014)
- de Itapema
- de Araquari


SÓCIO HONORÁRIO

- AJAO - Agremiação Joinvilense de Amadores de Orquídeas
- Sociedade Ginástica de Joinville
- Liga das Sociedades de Joinville
- Clube dos Radioamadores de Joinville
- Fluminense Futebol Clube, Itaum - Joinville
- Sociedade Estrela da Praia, Boa Vista - Joinville
- América Futebol Clube - Joinville
- Sociedade Rio da Prata
- Igreja Seicho-No-Ie - Joinville
- Sociedade Floresta - Joinville
- Sociedade Vera Cruz - Joinville
- Sociedade Maçônica Acácia Joinvilense
- Associação dos Aposentados e Pensionistas de Joinville
MISSÕES NO EXTERIOR

- Seminário sobre Administração Municipal e Desenvolvimento Local, promovido pela "Deutsche Stiftung Für Internationale Entwiklung" (1977)
- Ciclo de Estudos promovido pela "Gesellschaft Neue Heimat", Berlim, Alemanha (1980)
- Ciclo de Estudos promovido pela "Internationes Bonn", Alemanha (1990)
- Congresso dos Parlamentos Europeu e Latino-Americano, Lisboa (1987)
- Visita ministerial a Cuba e à Argentina para incremento das relações científico-tecnológicas (1988)
- Viagem à República Popular da China para celebração do acordo Aeroespacial Pequim e Xangai (1988)
- Observador do Congresso Nacional na Assembléia Geral da ONU, Nova Iorque (1989/1990/1991/199? e 1996)
- Chefe da Delegação do Congresso Brasileiro à Romênia (1989)
- Chefe da Delegação do Congresso Brasileiro à Tchecoslováquia (1990)
- Observador do Congresso Brasileiro no Programa Antártico, Pólo Sul (1992)
- Membro da Comissão Brasileira na reunião interparlamentar realizada em Nova Dheli, Índia (1993)
- Membro da Delegação do Congresso Brasileiro em Cuba e México (1993)
- Representante do PMDB no Parlamento Latino-Americano, Caracas, Venezuela (dezembro/1993)
- Observador Internacional das Eleições Presidenciais do México (1994)
- Presidente da Missão do PMDB à China, a convite do PCCH - Partido Comunista Chinês (julho/1995)
- Integrante da Comitiva Presidencial na viagem do Presidente da República à ONU, nas comemorações dos 50 anos da Organização (outubro/1995)
- Viagem de Informação à Alemanha, a convite da Fundação Konrad-Adenauer (julho/1996)
- Viagem à Alemanha - Decreto Legislativo 12/7 (1997)
- Viagem aos Estados Unidos da América do Norte para contatos com investidores, divulgação das potencialidades de Joinville (1998)
- Viagem à Europa, em visita à França, Itália e Suíça (1998)
- Viagem à República Eslovaca, representando Joinville nas solenidades de inauguração da Fábrica da Embraco (1999)
- Viagem à Europa (Portugal, França, Alemanha e Rússia) para contatos com investidores e tratar da instalação da Escola do Ballet Bolshoi em Joinville (1999)
- Viagem aos Estados Unidos da América para participar em Miami, da IV- VTA - Viagem Ambiental de Prefeitos de Capitais e Grandes Cidades Brasileiras de 1999 e da Primeira Conferência de Prefeitos da América (1999)
- Viagem à Europa (Portugal, Espanha e França), para contatos com empresários portugueses, espanhóis e franceses para verificar a possibilidade de realização de negócios em Joinville (2000)
- Participação nos festejos comemorativos aos 225o anos do Teatro Bolshoi da Rússia, a convite do Ministro da Cultura da Federação da Rússia e do Diretor Geral do Teatro Bolshoi da Rússia, visando fortalecer as relações culturais entre a Rússia e Joinville (2001)
- Encontro com o Vice-Governador de São Petersburgo, Guennadi Ivanovitch Tkatchov (2001)
- Viagem a Paris e Joinville-le-Pont para encaminhar protocolo de intenções de convênio de cidades-irmãs (2001) 
- Missão Parlamentar aos Estados Unidos, organizada pelo Brazil Institute, do Woodrow Wilson Center, em Washington, DC (abril/2011)
- Missão oficial a Moscou, Rússia, para a inauguração das obras de restauração do Teatro Bolshoi (outubro/2011)
- Visita oficial a Rússia e a França, integrando comitiva presidencial (dezembro/2012)
- Visita oficial ao Haiti e a Cuba, como membro da comitiva da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado Federal (janeiro/2013)
- Missão Oficial dos Senadores Luiz Henrique e Jorge Viana à França, Bélgica e ao Reino Unido, para apresentação da Nova Agenda do Brasil- desenvolvimento econômico, social e ambiental (maio/2013)
- Missão Oficial a Alemanha – participação nas comemorações de 200 anos de Karlsdorf, cidade irmã de Guabiruba e tratar de assuntos referentes à produção e comercialização pioneira em Santa Catarina de filmes transparentes que produzirão energia, uma parceria com o Instituto Fraunhofer, em Munique (junho/2013)
- Missão Oficial a Assunção, PY, para participar como representante da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional, à Cerimônia de Posse do Presidente Eleito da República do Paraguai, senhor Horacio Cartes (15 de agosto de 2013)
- Missão Oficial de comitiva de senadores presidida pelo Senador Luiz Henrique à República Tcheca e à Eslováquia (setembro/2013)
- Missão Oficial de delegação de senadores brasileiros a Nova York para participar da Audiência Anual da União Interparlamentar (UIP) com a Organização das Nações Unidas (ONU) (novembro/2013)
- Missão Oficial a Montevidéu, Uruguai, para participar da 28ª Sessão Ordinária do Parlamento do MERCOSUL, em Montevidéu, Uruguai, como membro da comitiva brasileira (dezembro/2013)
- Missão Oficial aos Estados Unidos – entendimentos SC/TransGas (maio/2014)
- Missão Oficial a Taiwan, como representante do Senado Federal, a convite do Escritório Econômico e Cultural de Taipei no Brasil (junho/2014)
- Missão Oficial a Montevidéu, Uruguai, como membro da Representação Brasileira no Parlasul para participar das Sessões deste órgão (julho/2014)

OUTRAS INFORMAÇÕES

- Professor de História Geral do Curso Clássico do Colégio Coração de Jesus, Florianópolis (1965)
- Professor de Direito Público e Privado na Fundação Universitária da Região de Joinville (1974)
- Professor de Português e História Geral no Colégio Bom Jesus, Joinville (1966-1972)
- Presidente do Diretório Municipal do PMDB de Joinville (1971-1973)
- Presidente do Diretório Estadual do PMDB de Santa Catarina (1990-1992)
- Presidente reeleito do Diretório Estadual do PMDB de Santa Catarina (1993-1995)
- Vice-presidente do Diretório Nacional do PMDB (1991-1993)
- Presidente do Diretório Nacional do PMDB (1993-1995)
- Fundador da Associação Joinvilense dos Advogados (1969)
- Fundador da APJ - Associação dos Professores de Joinville (1968)
- Fundador do IBEU (Instituto Brasil-Estados Unidos)

DILMA FINALMENTE SE MANIFESTOU EM APOIO A OPOSIÇÃO LILIAN TINTORI ATRAVÉS DE UMA CARTA

DIREITOS HUMANOS
Tintori: Um grupo de senadores brasileiros visitarão o país durante este mês



"Foi incrível o apoio que recebemos do Brasil. Pela primeira vez em muitos anos que abrimos as portas do Ministério das Relações Exteriores, que participaram do governo de Dilma Rousseff", disse a mulher de Leopoldo Lopez, Lilian Tintori.

Um grupo de senadores brasileiros visitará Venezuela no final de maio ou início de junho, ele relatou esposa de sexta-feira Leopoldo Lopez, Lilian Tintori. Além disso, ele disse ontem se reuniu com o Ministério das Relações Exteriores daquele país e, hoje, com outros membros do governo.
.

Ela disse que o presidente do Brasil, Dilma Rousseff, enviou uma carta em resposta ao pedido de reunião que eles fizeram isso e esposa de Ledezma, Mitzi Capriles. "Na carta, é claro que o presidente está ciente da situação no país, que se refere à Venezuela como um país que está em crise", disse ele.

Tintori disse que as autoridades internacionais está a levar a voz de muitos venezuelanos que se sentem sem esperança pela violação das garantias constitucionais. "A nossa voz está sendo ouvida, porque temos muito apoio internacional, as Nações Unidas, a Anistia Internacional, a Human Rights Watch, a Comissão Inter-Americana de Direitos Humanos, falei."

Ele disse que os países vizinhos deve continuar atuando "em tão sério como tem crise Venezuela."

Sobre as declarações do Provedor de Justiça, Tarek William Saab, antes que o Senado brasileiro ontem disse que ficou impressionado e alarme que um representante dos direitos humanos pode afirmar que não há democracia na Venezuela.

"Eu sou a esposa de um preso político e sofro de ataques e perseguições. Digo isto com grande responsabilidade. Eu costumava organizações muito graves para registrar minuto, fotografia, sempre que você me e minha família o nosso direito à violados visita. No domingo passado, os meus filhos não foram autorizados a passar Ramo Verde ", reclamou o ativista.

Ele lembrou que no país existem 89 "presos políticos" e que este grupo de jovens sexta-feira do PNUD encontrou com eles um ano.

Ele também afirmou que as eleições parlamentares serão um importante grupo de observadores internacionais.

Ele também expressou sua intenção de visitar em breve Equador, Uruguai e Colômbia. "Estamos chamando porque você quer ouvir o outro lado não é o governo", disse ele.

MARIA CORINA MACHADO RESPONDE PARA LUCENA CNE NÃO TEM MORAL E RECEBE ORDENS DE CUBA

Maria Corina Machado acusou a CNE de ser um braço submissa ao regime / GAZATA CENTRAL IRBING  INTERNACIONAL / Maria Corina Machado, o líder Vente exmember Venezuela e da Assembleia Nacional, acusou Tibisay Lucena e os outros diretores do Conselho Nacional Eleitoral tornaram-se o corpo eleitoral "em um submisso ao regime e as ordens de Havana braço."


Em sua conta na rede social Twitter, Machado respondeu a declarações de Lucena, que disse que "há alguns que acreditam que bater o árbitro, descrédito .... pode pagar dividendos."

"Não, Ms. Lucena, desacreditar a CNE é sua e outra culpa que rege que tornaram-se submissa ao regime e as ordens de Havana braço", Machado escreveu. 

Machado disse que a CNE tem permitido o uso de recursos públicos para campanhas sem o governo a reagir.

"Você e outro de governo não conseguirá cumprir os requisitos constitucionais para exercerá o referido cargo, e as pessoas sabem disso", acrescentou.

O presidente disse que os exprecandidata regem violar os requisitos constitucionais para exercer as suas funções e que é do conhecimento público, e duvidava de mecanismos de auditoria e do uso de leitores de impressão digital como um passo obrigatório na eleição.

"Você (Lucena) ea CNE não permitiu contagem dos votos na votação teste físico-pesquisas não apenas entregues por via electrónica scanners de impressões digitais realmente impuseram que não impedem de voto múltiplo, mas fazemos assustar os eleitores como o sigilo. voto ", disse Machado.

Ele também reclamou que a CNE tem como objetivo eliminar cadernos eleitorais, o que na sua opinião é o "último remanescente mecanismo para gravar e auditoria que realmente votar."

Machado atraiu turistas para observadores eleitorais internacionais asaegura trazer a CNE para "validar as suas armadilhas."

REDE FACEBOOK ESTÁ TESTANDO SEU PRÓPRIO APLICATIVO DE BUSCA

O Facebook confirmou recentemente que está testando seu próprio aplicativo de busca, que permitirá que os usuários incluam links em postagem sem ter de visitar o Google.


Segundo o CNBC, alguns usuários do Facebook encontrarão a opção “adicionar um link” próximo aos botões para adicionar foto ou localização em um status da rede social. 

Quando digitar um termo de busca, uma lista de links já compartilhados por outras pessoas na rede aparecerá embaixo. 

O usuário, então, poderá prever o que está no site e então compartilhar o link.

Sem essa função, o usuário precisa pegar o link através de buscas no Google ou outros mecanismos, e então colar o link no Facebook. 

A gigante das redes sociais está trabalhando em cortar este processo, mantendo as pessoas no Facebook pelo maior tempo possível. “Estamos pilotando uma nova maneira de adicionar links que foram compartilhados no Facebook para seus posts e comentários”, disse um porta-voz do Facebook no domingo para o site TechCrunch.

O Facebook já arquivou um trilhão de posts compartilhados por usuários – e isso permitirá que o aplicativo interno sugira os links mais compartilhados. 

Para especialistas, estes dados permitirão que o Facebook fique à frente do Google neste aspecto. Eles ainda afirmam que isto, junto das oportunidades para anúncios, podem preocupar o Google.

“Se analisar o progresso do Facebook ao longo dos últimos anos, o crescimento real está rendas de propaganda móvel”, disse Jack Kent, analista mobile sênior da IHS. 

“Isso significa que o crescimento de anúncios da rede social pode pressionar o Google. E tudo que manter as pessoas no Facebook com uma experiência que mostre que você não precisa do Google, pressiona o Google”, explicou.

Mais de 70% da renda total de anúncios do Facebook vem do aplicativo móvel – e a empresa quer manter as pessoas nele por mais tempo. 

Além disso, um relatório do New York Times sugere que a rede social está em negociação com editores de notícias para hospedar o conteúdo na rede social, ao invés de direcionar de volta para o site do veículo. O objetivo seria compartilhar a renda com publicidade.

Anuncio

Seguidores

CAMPANHA PRA VENEZUELA

CAMPANHA  PRA  VENEZUELA
PRECISA DE AJUDA HUMANITÁRIA

As principais matérias do blog