Nossos Leitores Obrigado Por Ler

JAPÃO TERREMOTO DE 7,4 DE MAGNITUDE SEGUNDO A AGÊNCIA METEOROLÓGICA <<>> Tsunami (津波) after 7.3 Earthquake in Tagajo, Miyagi, Japan | 22 11 2016



RENATO SANTOS  21/11/2016  Um terremoto de magnitude 7,4 na prefeitura de Fukushima abalou amplas áreas na terça-feira, provocando alertas de tsunami ao longo da costa do Pacífico e interrompendo brevemente o sistema de resfriamento de uma piscina de combustível de reator nuclear.




O temblor tinha registrado uma magnitude preliminar de 7,3, mas foi revisado para 7,4, disse a Agência Meteorológica.




O secretário-chefe do gabinete, Yoshihide Suga, disse em uma entrevista coletiva de emergência no Escritório do Primeiro Ministro que o sistema de resfriamento parou no reator 3 da fábrica Fukushima No. 2 da Tepco, onde estão 2.544 barras de combustível nuclear gastas. "Temos sido informados de que não há risco imediato de vazamentos de radiação ou aumento das temperaturas (da piscina de resfriamento)", disse Suga.

A NHK informou mais tarde que a bomba de resfriamento havia sido reativada e o resfriamento foi retomado na Fukushima nº 2. A Tepco também disse em seu site que o terremoto de magnitude 7,4 suspendeu o sistema de refrigeração por volta das 6h10, mas o sistema foi retomado em 7:47 am

Avisos de tsunami foram emitidos ao longo da costa do Pacífico, incluindo nas prefeituras de Aomore, Iwate, Ibaraki e Chiba. Um alerta tsunami posterior foi emitido para a Prefeitura de Miyagi também.

Um tsunami de 1,4 metros foi observado no porto de Sendai às 8:03 da manhã. Mais ondas foram esperadas. O tsunami de 1,4 metros observado em Sendai foi o maior desde 11 de março de 2011 Great East Japan Terremoto, disse a agência.

As pessoas foram instruídas a evacuar imediatamente para um terreno alto na prefeitura de Fukushima, onde as ondas estavam previstas para chegar a 3 metros.


Tsunami waves have been observed along the coast of Miyagi and Fukushima prefectures in northeastern Japan following a strong earthquake on Tuesday morning. (NHK)
Nov 22
Municipal authorities in Fukushima Prefecture, northeastern Japan, are urging residents of coastal areas to evacuate to higher ground following a powerful earthquake on Tuesday morning. (NHK)
Nov 22
An earthquake with a preliminary magnitude of 7.3 off the coast of Fukushima Prefecture rocked widespread areas early Tuesday, triggering tsunami warnings. (Japan Times)
- See more at: http://newsonjapan.com/html/newsdesk/article/118268.php#sthash.xFMf5zHi.dpuf

A NHK está informando que a cidade de Minami-sona, prefeitura de Fukushima, ordenou que todos os seus 68 mil habitantes evacuassem em resposta ao aviso de tsunami. Cinco centros de evacuação foram instalados na cidade, onde 150 pessoas chegaram. Aproximadamente 70 outros procuraram o abrigo em um parque e em um salão funeral na cidade.

A Agência Meteorológica previu tsunami de até 1 metro nas prefeituras de Aomori, Iwate, Miyagi, Ibaraki e Chiba, pedindo que as pessoas se afastassem das áreas costeiras.

Segundo a agência, foram observados tsunami de 90 cm na cidade de Soma, Prefeitura de Fukushima, às 7:06 da manhã, enquanto em Oarai, Prefeitura de Ibaraki, tsunami de 50 cm foram observados às 7:08 da manhã.



Kyodo citou a agência dizendo que tsunami de 60 cm foi observado em Onahama, na cidade de Iwaki, prefeitura de Fukushima.

As autoridades alertaram as pessoas para se manterem alertas até que os alertas de tsunami sejam levantados, porque as ondas podem atingir mais de uma vez.

A Polícia da Prefeitura de Fukushima disse que um incêndio começou em um complexo petroquímico na cidade de Iwaki, mas foi demitido em cerca de 25 minutos. Ninguém ficou ferido.

Além disso, uma mulher de 70 anos foi relatada ferida na cidade de Yabuki, Prefeitura de Fukushima, sofrendo cortes na parte de trás da cabeça quando a louça caiu de um armário.

O 5:59 a.m. temblor teve uma intensidade de-5 na escala sísmica japonesa para 7.

O tremor de magnitude-7,3 foi seguido por um terremoto de magnitude 5,4 na prefeitura de Fukushima em torno de 6:10 am, que registrou shindo-3 nas prefeituras de Fukushima e Miyagi, e um tremor de magnitude-5,5 em torno de 6:39 am em Fukushima Naka- Dori, que também registrou shindo-3 em partes de Fukushima e Ibaraki.

Relatórios anteriores disseram que a Tokyo Electric Power Co. Holdings está verificando se a planta nuclear Fukushima, número 1, e a próxima fábrica No. 2, ambas fechadas desde o megaquake de 2011, foram afetadas.

A Kyodo News informou que a Tepco confirmou que a primeira usina de Fukushima não foi afetada, mas que a segurança da segunda usina ainda não foi confirmada.

De acordo com a NHK, o equipamento de resfriamento para o tanque de combustível nuclear usado no edifício do reator 3 da usina nuclear Fukushima No. 2 da Tepco parou. A Tepco está agora a verificar. O reactor tem 2.544 varas de combustível nuclear gastas.

A Kyodo também disse que a usina nuclear de Tohoku Electric Power Co., que se estende pelas cidades de Onagawa e Ishinomaki, província de Miyagi, não foi afetada. A planta também está off-line.

A usina nuclear Tokai No. 2 na vila de Tokai, prefeitura de Ibaraki, também não relatou qualquer anormalidade.

East Japan Railway Co. suspendeu algumas operações nas linhas Tohoku, Joetsu e Hokuriku Shinkansen, enquanto JR Tokai suspendeu os serviços entre as estações de Tóquio e Toyohashi.

JR Tokai disse que a Tokaido Shinkansen Line reiniciou as operações às 6:18 da manhã.

A Agência Meteorológica disse que o terremoto atingiu cerca de 6 a.m a uma profundidade de 10 km (6 milhas). O US Geological Survey mediu a magnitude em 6,9. O terremoto sacudiu edifícios em Tóquio, 240 quilômetros (150 milhas) ao sudoeste do epicentro.

Prefeitura de Fukushima é o lar da usina nuclear que foi destruída por tsunami enorme após um terremoto offshore em 2011.

O operador da planta disse que não havia anormalidades observadas na planta, disse NHK.

NHK instou as pessoas a fugir da costa imediatamente, lembrando-os do devastador terremoto de 2011 que matou cerca de 18.000 pessoas.

Não houve relatos imediatos de danos ou ferimentos.

DIGAM NÃO A PEC 280 JÁ <<>> ACORDAM POVO O PAÍS ESTÁ INDO NAS MÃOS DOS IRMÃOS CASTROS<<>> QUEREM ACABAR COM O PODER JUDICIÁRIO <<>>




RENATO SANTOS 21/11/2016  O projeto de lei aumenta a pena para autoridades que extrapolem o exercício da função, o que pode atingir policiais, juízes e procuradores. Enquanto ficam debatendo o programa ENCONTRO, o golpe contra o poder JUDICIÁRIO está sendo dado, realmente estamos vivendo a republica bolivariana do Brasil.




Se essa porcaria passar vai beneficiar deste bandido simples, estupradores,ladrões,assassinos, até políticos safados, pois o SENADO já virou um penico no sentido da palavra é uma vergonha nacional ter RENAN CALHEIROS AINDA COMO PRESIDENTE, pois o seu sonho é provar a PEC , onde coloca os JUIZES numa situação como ocorre na VENEZUELA, aí vocês vão sentir na pele que eles estão sentindo , se manifestem senhores, cadê os grupos que chamam o povo e nada fazem.

O posicionamento da AMB diante das ofensivas do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), foram destaque nos principais veículos de comunicação do País nesta sexta-feira (18). Os jornais O Estado de S. Paulo, A Folha de S. Paulo, O Globo, além de portais online repercutiram as declarações do presidente da AMB, João Ricardo Costa, que sugeriu o afastamento do parlamentar do cargo. Renan Calheiros é investigado na Operação Lava Jato.
“Durante muito tempo em que ele esteve no poder, o País foi saqueado. Isso já é justificativa suficiente para um homem público ou se afastar do cargo ou tomar providências que sejam positivas, e não providências que sejam de reprimir ou de tirar o poder do Judiciário, que hoje está sendo importante e fundamental”, declarou João Ricardo Costa aos jornalistas após audiência com a presidente do STF, ministra Cármen Lúcia.
No encontro com a ministra, João Ricardo abordou a iniciativa do presidente do Senado em criar uma comissão para identificar os funcionários dos três Poderes que ganham supersalários. “Tratamos sobre essa comissão que foi formada e manifestamos nossa preocupação. Entendemos que, embora o Parlamento tenha legitimidade, o momento não é oportuno. Nós estamos percebendo que há um movimento de retaliação simplesmente porque o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) sempre teve autoridade e ação em relação a eventuais abusos da remuneração da magistratura”, afirmou.

Entre os convidados para o debate, estão o Procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e o ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes. 

PLS 280/2016, de autoria do presidente do Senado, Renan Calheiros, pelos senadores em sessão temática no Plenário do Senado na quarta-feira (23), a partir das 11h.






MEU POVO RESPONDAM QUEM MERECE SER PROCESSADO <<>> LULA OU SERGIO MORO <<>> ABERRAÇÃO DO PODER JUDICIÁRIO PRESTES PRA ACONTECER DIANTE DE UM POVO IDIOTIZADO <<>> O SENADOR LASIER MARTINS - ( PDT- RS) CLASSIFICOU DE LOUCURA O PEDIDO DE PRISÃO FEITO POR ADVOGADOS IDIOTIZADOS QUE VERGONHA <<>> CONTRA O JUIZ SERGIO MORO




RENATO SANTOS 21/11/2016   A Berração do Poder Judiciário, só no Brasil é que um criminoso abre o processo contra um Juiz. 

Mas obsceno mesmo é se o STF  vai aceitar. Uma multidão na Roma Antiga, o Rei perguntava quem queres que eu solta BARRABÁS OU JESUS, o povo idiotizado pediram BARRABÁS, e o que queremos hoje  QUEM VAI PARA PRISÃO LULA OU SERGIO MORO, do jeito que esse País é, não fica difícil de adivinhar a resposta.



Barrabás (do aramaico: Bar Abbas, "filho do pai") é um personagem bíblico, nasceu na cidade de Jopa, ao sul da Judeia. 

Foi contemporâneo de Jesus Cristo. É um personagem citado no Novo Testamento, no episódio do julgamento de Jesus por Pôncio Pilatos


Se a moda pega, haverá inversões de valores tão grande neste País que até o Juiz da Primeira Instância vai pensar duas vezes antes de prosseguir com processos sejam eles quais forem, inclusive criminal.

E ninguém se manifesta, em qual País estamos vivendo é lamentável. De acordo  com o portal Agência Senado, o senador Lasier Martins (PDT-RS) classificou de loucura o pedido de prisão do juiz federal Sérgio Moro feito pelos advogados do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva. 

Diante das várias acusações contra Lula, investigado no âmbito da Operação Lava Jato, Lasier Martins disse considerar uma insanidade ele querer transformar em réu exatamente o juiz que o está julgando e que já colocou na cadeia poderosos envolvidos em corrupção e que têm tido suas sentenças referendadas pelo Tribunal Regional da Quarta Região.

— Estamos diante da mais insolente, despropositada e insana inversão de valores: o juiz ameaçado pelo réu. 

Só faltava isto nesta sucessão de loucuras e depressões que vive o Brasil. 

Atacar o juiz que vem fazendo justiça torna a atitude de Lula uma atitude desesperada de quem vê a proximidade do fim das suas enganações — afirmou Lasier Martins nesta segunda-feira (21), em Plenário.

Abuso de autoridade

O senador também advertiu que não é hora de o Congresso Nacional votar o projeto de lei sobre abuso de autoridade (PLS 280/2016), do senador Renan Calheiros (PMDB-AL). 

Por trás da decisão de dar celeridade a essa votação, disse Lasier Martins, há sinais de uma tentativa de inibir os responsáveis pela Operação Lava Jato: magistrados, procuradores, promotores de justiça e Polícia Federal.
Lasier Martins sublinhou que a Lava Jato tem grande apoio dos cidadãos e que, além de desmascarar os saqueadores da República, tem recuperado milhões roubados.  

No âmbito da operação também têm sido feitos acordos de leniência, flagrantes de improbidade, acordos de colaboração premiada. Além disso, gerou muitas condenações.
— Não é admissível que se queira melar uma gigantesca lavagem do Brasil. Nesta hora, boicotar a Lava Jato seria a maior das loucuras consentidas neste caótico Brasil, à espera de uma renovação histórica de costumes e de transparência. 

É o valor que todos os brasileiros de bem devem defender com a máxima bravura porque poderá não haver uma nova oportunidade.


Gastos públicos


Lasier Martins disse também que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 55/2016, do teto dos gastos públicos, tida como uma "loucura" por alguns, é uma limitação necessária por falta de recursos financeiros, decorrente de erros da gestão anterior, explicou ele.

A partes


Em aparte, o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) defendeu Lula e disse que não há provas contra ele. E discutiu com o senador Zeze Perrella (PTB-MG), que criticou o ex-presidente.


MENSAGEM AOS MANIFESTANTES DO RIO DE JANEIRO PELA POLICIA MILITAR






RENATO SANTOS 21/11/2016  A Polícia Militar compreende a necessidade e respeita o direito de todos realizarem manifestações.




Não podemos deixar que pessoas mal-intencionadas transformem um direito legítimo em ações de violência e vandalismo.

A PMERJ pede para que não avancem contra a tropa formada, pois nossos policiais estão trabalhando justamente para garantir o pleno exercício da democracia.

Assistam a mensagem da Polícia Militar a todos os manifestantes.

POVO IDIOTIZADO MESMO CAÍRAM NA CONVERSA DA GLOBO <<>> PUBLICIDADE DO FILME SOB PRESSÃO <<>> E AINDA FAZEM PUBLICIDADE NOS VIDEOS DOS HANGOUTS DE GRAÇA É LAMENTÁVEL QUE NÃO SABEM USAR AS REDES SOCIAIS PARA REIVINDICAÇÕES DE QUALQUER NATUREZA






RENATO SANTOS 21/11/2016 Antes de entrar nessa polêmica que foi de mal gosto dos participantes do programa, uma vergonha nacional e um lixo os comentários sem noção nenhuma dos defensores de bandidos, a vida vale mais. 

Nos Estados Unidos se ocorrer esses fato narrados pelo programa, entre um cidadão e um traficante, claro que os médicos vão escolher um cidadão, a não ser que esteja sob Jurisdição do Estado e ainda depende da Lei local. 

O tema já foi colocado de propósito fica claro o objetivo da direção da globo, se esse País fosse mais sério no mínimo seriam processados por apologia ao crime.

Não se faz isso, não nesse momento crítico que estamos passando. Agora quero ver esses engraçadinhos iram  ao cinema para assistir o filme, será que vão.

Diante da tanta importância dada aos comentários imbecis   dos participantes do programa  ENCONTRO para se dar audiência na péssima escolha para o debate, isso mostra a pobreza da televisão.

Fica mais claro que brasileiros perdem grande oportunidades de debater a situação do Brasil atual,através de hangouts, facebook, e outras redes sociais.  

Que tristeza, fazem videos no youtube com mais de 100 mil visualizações, mas, quando se tratam de assuntos mais sérios apenas alguns chegam a 79 visualizações.

É, realmente os brasileiros não sabem usar as redes sociais atacam as pessoas enquanto o sistema apodrecido comem solta, mal sabem os dementes, que quando se fala mau do programa mais audiência  tem, vocês mesmos aceitam a apologia da nova forma de propaganda  que a tv globo dita e vocês obedecem sem querer ou por falta de visão crítica, compartilhando ou curtindo é lastimável, mas , ainda tenho esperança que algo vai mudar nesse país.





O programa Encontro com Fátima Bernardes abordou um tema polêmico na manhã  quinta-feira (17)., passada. 

Dão a publicidade ao programa da FÁTIMA, enquanto metem o pau, parabéns aos idiotas úteis, que ainda caem nas mãos dos usurpadores.

Quando publicamos a verdades sobre a morte dos quatros policiais nem compartilham e nem sequer curti, País de miseráveis uteis, a pobreza não é a comida e sim a falta de sabedoria.

Eles estão debatendo o filme sob pressão, mas os idiotizados levaram para o lado da realidade, ridículo, não sabem mais fazer diferença entre real e ficção, lamentável.


Esse país até quando vão fazer o " jogo" dos idiotizados, além de compartilhar um vídeo de uma pessoa que nem mora aqui no Brasil e tem mais.

Maria Aparecida de Lima e outras 5 pessoas compartilharam um link.

Para divulgar o filme #sob pressão, Fátima Bernardes pediu para que os convidados e a plateia do programa escolhessem salvar entre um policial, levemente ferido, e um traficante, em estado grave, questões que ocorrerão no longa. 

E para confirmar ainda fazem um vídeo intitulado 

em 20 de nov de 2016
Policiais MANDAM RECADO PARA Fátima Bernardes VAI DEFENDER BANDIDO?!"O QUE VOCÊ FARIA FÁTIMA?"

Ainda com comentários de uma pessoa que faz um canal intitulado 
  
7.182 visualizações


Pessoas que fazem isso não pode ter cribilidade nenhuma. Mas, temos um  País sem informação, ainda afirmando que policiais dão recado a Fátima Bernardes, é uma vergonha esse País.




Fora outros canais mais ridículos ainda vejamos:


Temos de tudo que um bando de desocupados sem informação nenhuma fazem videos a qual os imbecis brasileiros ainda assistam . 

Veja o exemplo da morte de GAROTINHO, que teve mais de 217 mil visualizações, e ainda bolsonaro  detona Fátima pela morte dos policiais.

BOM CONTINUANDO 


De 8 pessoas, 7 preferiram salvar o criminoso. A escolha dos convidados gerou polêmica, levantando uma discussão na internet que teve uma grande repercussão.


Apesar das inúmeras críticas contra a Globo, profissionais da saúde se posicionaram no Facebook,: 


“Se for aplicar essa pergunta a nós profissionais da saúde, a vítima de maior gravidade é socorrida primeiro, independente de quem seja. ISSO É FATO MAS QUEM DISSE QUE BRASILEIRO QUER ENTENDER ISSO. 

Porém, mesmo sabendo disso, eu jamais vou priorizar um marginal”, escreveu um usuário. “Sou profissional, tenho ética, mas sou humano, não super-herói”, opinou outro.


O filme Sob Pressão

Estreou, na quinta-feira (17), o filme Sob Pressão, que trata a situação quotidiana difícil da saúde no Rio de Janeiro. 

Com Júlio Andrade, Marjorie Estiano, Ícaro Silva e Andréa Beltrão no elenco, a produção vai trazer situações complicadas como a abordada pelo programa Encontro com Fátima Bernardes. 

O Dr. Evandro (Julio Andrade), depois de um dia exaustivo, tem que decidir se opera primeiro um traficante ou um policial, ambos colhidos em mais uma guerra do tráfico. 


Outro impasse é a chegada de um menino de classe média, filho de um dono de jornal, ferido por uma bala perdida.

Andrucha Waddington, diretor e autor do filme, se inspirou no livro “Sob Pressão – A rotina de guerra de um médico brasileiro”, para narrar os fatos mais complicados que ocorrem em um hospital público do Rio de Janeiro – cenário que não é muito diferente na vida real. 

O médico Márcio Maranhão, profissional que relatou as experiências no livro, participou das gravações para dar mais realismo as cenas. 

E você, salvaria um traficante, um policial ou um menino de classe-média atingido por uma bala perdida?

Anuncio

Seguidores

CAMPANHA PRA VENEZUELA

CAMPANHA  PRA  VENEZUELA
PRECISA DE AJUDA HUMANITÁRIA

As principais matérias do blog