GAZETA CENTRAL INSTAGRAM

EXCLUSIVO : DENUNCIA : COMO FUNCIONA OS CANALHAS DO FORO DE SÃO PAULO, A JUÍZA DA 28 VARA DA ÁREA METROPOLITANA DENUNCIOU OS PARCEIROS DO PT, NA VENEZUELA, POR ORDEM DE NICOLAS MADURO ELA FOI PRESA, CONDENADA E ESTUPRADA DENTRO DO PRESIDIO DO INSTITUTO NACIONAL DE ORIENTAÇÃO FEMININA ( INOF) , EM SEIS ANOS ESTRAGARAM A VIDA DA FAMÍLIA DELA E DE SUA FILHA /// A SETENÇA DADA PELA JUÍZA SUBSTITUTA SUSANA BARREIROS A LEOPOLDO LOPES FOI DADA SOB AMEAÇA E A FOTO QUE APARECE O DIOSDADO CABELLO E A JUÍZA, É FOTO SOB AMEAÇA DE VIDA

renato santos
13/09/2015


Entenda  como  funciona  a canalhice  do  foro de são paulo, por que que substituíram a Juíza,  da 28 ª Vara da Área Metropolitana de Caracas, Maria Lourdes Afiuni, pelo  Presidente  do Conselho de Justiça  do Poder Judiciário que  concedeu em seu lugar o  "estatuto provisório" da Susana Barreiros  no  tribunal de Justiça ", particularmente carrasco" de Leopoldo Lopez. 
"Em seis anos destruíram a minha vida, a da 

minha filha e da minha família. Na 

Venezuela, 

os juízes não julgam, eles satisfazem os 

caprichos do governo."

Juíza que denunciou os parceiros do PT na 

Venezuela fala das torturas que padeceu na 

prisão. 

Na Venezuela, María Lourdes Afiuni rompeu o silêncio. Em audiência realizada no dia 30 de junho, a juíza expôs os detalhes da tortura, maus-tratos e estupro que sofreu em 2010, quando esteve presa no "Instituto Nacional de Orientación Feminina" (INOF).



Thelma Fernández, advogada da juíza, contou como foi o depoimento no Tribunal. Afiuni relatou "como lhe destruíram a vagina, o ânus e a bexiga, quando guardas do INOF e funcionários do Ministério da Justiça a estupraram" [...] "narrou que um agente da Guarda Nacional a feriu com uma botinada, causando-lhe uma distensão em parte do seio. 
Destacou que presas condenadas por ela foram transferidas para celas ao lado da sua, e que foi vítima de vários ataques, não sendo feito nada para evitá-los. Confessou que em várias oportunidades aspergiram gasolina na sua cela". Certa vez, no estabelecimento penal feminino, "houve um princípio de incêndio, retiraram todas as detentas, menos a juíza, que deixaram trancada na cela". 

Em outra ocasião, ainda segundo Thelma Fernández, Afiuni foi conduzida até o Hospital Militar "para fazer um exame ginecológico, e fizeram-na despir-se na presença de mais de 20 funcionários da GNB, a  Guarda Nacional Bolivariana.

María Lourdes Afiuni está sendo julgada por deixar em liberdade o empresário Eligió Cedeño, seguindo uma resolução da ONU. A juíza obteve liberdade condicional em junho de 2013, mas está proibida de sair da Venezuela, de falar nos meios de comunicação nacionais e internacionais, e de escrever nas redes sociais Twitter e Facebook.

BETTY LAGO SE DESPEDIU DE NÓS HOJE AOS 60 ANOS DE IDADE, VAI COM DEUS GUERREIRA !

renato santos
13/05/2015

Essa  vida  é  nada  diante  de  tantas  diversidades, por isso   a Bíblia  disse:

Ao findar o labor desta vida
Quando a morte ao teu lado chegar
Que destino ha de ter tua alma
Qual sera no futuro teu lar

Meu amigo hoje tu tens a escolha
Vida ou morte, qual vais aceitar
amanhã pode ser muito tarde
Hoje Cristo te quer libertar

Tu procuras a paz neste mundo
Em prazeres que passam e vão
Mas na última hora da vida
Ele já não te satisfarao

Meu amigo hoje tu tens a escolha
Vida ou morte, qual vais aceitar
amanhã pode ser muito tarde
Hoje Cristo te quer libertar

Por acaso tu triste ó amigo
Quando ouvistes falar em Jesus
Mas é só ele o único caminho
Te salvar pela morte na cruz

Se decides deixar teus pecados
E entregar tua vida a Jesus
Trilharas sim, na última hora
Um caminho brilhante de luz

Meu amigo hoje tu tens a escolha
Vida ou morte, qual vais aceitar
amanhã pode ser muito tarde
Hoje Cristo te quer libertar


Betty Lago morreu na manhã deste domingo (13), aos 60 anos, de câncer na vesícula, em sua casa, no Leblon, já lotada de amigos. A ex-modelo e atriz “brigava” com a doença desde 2012, quando recebeu o diagnóstico. 



Betty falou em uma de suas últimas entrevistas aqui à coluna, este ano, que a doença reapareceu recentemente. Sempre mostrando força com muita valentia, não escondendo de ninguém a fase que enfrentou, enfeitava-se com chapéus, sem disfarçar a careca nos eventos sociais, que continuava frequentando. Betty disse ainda: “A cabeça da gente se influencia por tudo. 
Voltei ao tratamento, desta vez já conhecendo as regras, o que deixa tudo mais brando. Não sou doente, sou alguém em tratamento. Continuo fazendo as coisas, só evitando gordura e álcool.”
Sincera e original (“Meu defeito é falar o que penso. Só arrumo encrenca”, dizia), ela deixa dois filhos, Bernardo e Patricia e muitos, muitos amigos, principalmente na cidade carioca, onde era queridíssima: “A gente, às vezes, pensa que é o máximo, e é uma merdinha”, declarou ao site no começo deste ano. Em junho, falou sobre homofobia. 
Seu primeiro papel na TV foi na minissérie “Anos Rebeldes”, de Gilberto Braga, em 1992. Na Globo, foi também protagonista da novela “Quatro por Quatro”. Na TV fechada, Betty estreou como apresentadora no programa GNT Fashion em 2005, no canal de mesmo nome. 
Ela também participou como debatedora dos programas “Saia Justa” e “Pirei – Com Betty Lago”, sempre com sucesso. Atualmente, Betty estava participando da quarta temporada do programa “Desafio na Beleza”, no mesmo canal, ao lado da modelo Mariana Weickert e do maquiador Daniel Hernandez.O trabalho mais recente da atriz foi na novela “Pecado Mortal”, da TV Record. Lá se foi irreverência, autenticidade, coragem, humor, alegria de viver, determinação e outras tantas qualidades humanas.

UMA LOUCURA: “Loucura seria ir morar no Japão. Iria e ficaria lá dois anos, feliz, com meu amor. Já passei temporadas lá – fui umas seis vezes.”
UMA ROUBADA: “O verão é uma roubada, não aguento este calor. Costumo também me meter com pessoas que são uma roubada.”
UMA IDEIA FIXA: “As ideias fixas são tantas – dirigir cinema é uma delas. Quando tive programa no GNT Fashion (por cinco anos), era dirigido por mim.”
UM PORRE: “Um porre é fã abusivo. Tipo: você tá num restaurante com o garfo na boca, e vem alguém perguntar: ‘Posso tirar uma foto?’”
UMA FRUSTRAÇÃO: “Realizo tantas coisas que esqueço as frustrações; nem uso essa palavra. Cruz credo! Lembrei uma: não ter feito o primeiro filme de Beto Brant, “Os matadores”. A gente, às vezes, pensa que é o máximo e é uma merdinha.”
UM APAGÃO: “Tive um apagão por efeito da quimioterapia, mas foi no começo do tratamento. Dei dois passos e caí no box, na minha casa. Não entendia o que acontecia. 
De repente, eu esquecia que estava com problema. Na verdade, se não me olho no espelho, nem lembro que estou careca.”
UMA SÍNDROME: “Não tenho, não. Achar que sabe tudo é síndrome?”
UM MEDO: “Meu medo é clichê, de não estar em todos os lugares do mundo que quero. Desde 1996 vim morar de vez no Rio, minha cidade na vida. Tenho ainda medo do ego das outras pessoas, não compreendo. 
O dinheiro e o sucesso transformam algumas criaturas. É um medo abstrato, mas é medo – que merda! Medo de morrer eu não tenho, principalmente depois de ter lido “Autobiografia de um iogue” (do Paramahansa Yogananda), que ganhei da astróloga Maria Eugênia.
UM DEFEITO: “Meu defeito é falar o que penso. Só arrumo encrenca.”
UM DESPRAZER: “O câncer tem um lado louco, é um desprazer momentâneo, mas quem passa por isso sabe que tem que passar. Eu entrei pra operar uma vesícula; no dia seguinte, vieram três médicos. Um deles disse: ‘Fomos tirar a vesícula e encontramos outra coisa.’ 
Eu levei tal choque, que trincava meus dentes. O susto foi do tamanho do que senti ao entrar na primeira vez na quimio. Agora, vou lá, faço, já converso com todo mundo. Transformei o que é pesado numa coisa leve.”
UM INSUCESSO: “Insucesso é novela que não dá certo, é o reverso da moeda. O contrário do insucesso é a nota 10 na Patricia Kogut – fica tanta gente com inveja, que nem dá parabéns.”
UM IMPULSO: “Tenho tantos… Um deles é chegar em casa, pegar o passaporte e ir……”
UMA PARANOIA: “Tenho paranoia de ser rejeitada.”

¿ALO? ¿MADURO? QUE SE PONGA... NICO, TE FELICITO..

¿ALO? ¿MADURO? QUE SE PONGA...

NICO, TE FELICITO...




SEGUISTE AL PIE DE LA LETRA, CON LO DE LÓPEZ,
NUESTRAS INSTRUCCIONES...

Nicolás Maduro comenzo celebra al su automagnicidio política.

Fernando Mires
Oldenburg | 12 de septiembre 2015
DDC

Se condena la brutal Leopoldo López ha dado a la Oposición, y por ende a la MUD, ella electoral Faltaba AÚN mística.



Aciago día. El 11 de septiembre de 1973, Chile Donde el fallecio presidente Salvador Allende. El 11 de septiembre de 2001 de la muerte les Ángeles enviados por bin Laden perpetraron desde el aire uno de los mas atroces ataques terroristas de su historia moderna.

El 11 de septiembre 2015, Venezuela amaneció tierra: el pecado prueba mediato Alguna, en uno de los juicios malos los Cuales adictos si del tenga noticia, ONU judicial manejado desde el partido de Gobierno por el Mas presidente ineficaz que conoce la historia de Venezuela, Una dictaminó condena la maldad de 13 años es uno de los mas contra destacados dirigentes de la Oposición: Leopoldo López.

Juicio y condena Leopoldo pasarán a aparecer junto con los casos de Dreyfus en Francia (1894-1906), El de los anarquistas Sacco y Vanzetti en EEUU (1920) y el Nelson Mandela en Sudáfrica (1962), como Uña de las manchas pero sucias caídos Sobre el poder judicial en el país de la ONU Occidental.

El repudiar el internacional se Hizo esperar. No hay comisión de Derechos Humanos de Amnistía Internacional- -partiendo, órgano judicial de los Estados las Naciones, Intelectuales políticos Y de todas estas tendencias -incluyendo Hasta el super izquierdista español Pablo Iglesias- que la Haya demostrado reprobación ante ella infamia judicial comprometida en Caracas .

Madura en el suelo ha asentaron al movimiento de masas montado su predecesor. Ha echado: Además por la enorme ventaja de capital internacional de El Apoyo Que le Lego el talento tarde.

Ja maduro terminó mostrandose al Mundo Como Lo Que es: dictador ONU de clase maleta.
Las Palabras de Felipe González en pudieron ser malo determinantes: Con El juicio oprobioso y Condena Leopoldo, maduro si no convertidos en dictador de la ONU "de facto". 

La verdad es que hace? Tiempoo ya desde que era. Habria que agregan a ser malo precisa, Maduro, Despues de la condena ordenada por el en contra de Leopoldo, ja, reveló que al mundo el es el dictador de la ONU "de jure".

Pero no se trata, su Maduro de dictadura CUALQUIERA. Las diferencias de la norcoreana y de la Cuba, Maduro es, como su Al-Asad en Siria, la Ortega en Nicaragua, la de Putin en Rusia y Nuestro Tiempo de ALGUNAS mal, Una dictadura electoral. FUE ESE El el lastre que heredo Maduro Chávez. 

Se distingue ca que los términos -usar homéricos- MIENTRAS a Chávez Eran las Elecciones su "Caballo de Troya" para Han Llegado maduro para ser "talón de Aquiles" Do.

Chávez se comportan los muchas Veces Como dictador ONU. Pero la Suya, sí era dictadura, ESTABA legitimado por los altos Votaciones que obtenia cada vez era echada a andar su maquinaria electoral del PSUV.

Probablemente, como cualquier dictador del gobernante autoritario, Chávez incurrió en fraude, Si hay en la contabilidad, por lo menos en los lugares de Votación. 

Pero les resulten fraude -y eso lo sabía Chávez- si la ONU Requiere dividido país de Mitades En, Es Decir, Cuando las diferencias de los rebaños del suelo es ALGUNOS millas votos. 

Pero CUANDO hijo de las diferencias Millones y Millones voto, punto en el Que TODAS LAS encuestas coinciden Venezolanas Extranjeras Y, fraude ningún Ser PUEDE posible. Así explicó ENTONCES por Que El locos Tiene Salón 6d vueltos del Cabello ya Maduro.

¿Que hacer? ¿Suprimirlos Elecciones parlamentarias? ¿Así lo malo? ¿La guerra inventó Una con El País Vecino fronteras apretando y deportar a Colombia con la esperanza Santos paso que patriotera mierda? El plan resulto. 

¿Qué les rechazaron caída alternativa? ¿Una provocar Movilización multitudinaria a favor de López, con bala mucha, Heridos, muertos, y asi el decreto de estado de sitio y las Elecciones en suspender nombre de la paz nacional? Si Así que pensaron, el les Saliendo es disparado por su trasero.

La amount enorme votación que no perdieron y siguen Perdiendo Maduro en Eran todos a favor de la misma MUD. Como cualquier agrupación de las partes en conflicto, Dębe MUD dedicar Muchos Esfuerzos a la Negociación y al diálogo para encontrar adecuados consenso, las actividades en despiertan sentimientos ni Actitudes épica heroica, más de lo que entre ellos Electores Jóvenes. Pues bien: se condena la brutal Leopoldo López ha dado a la Oposición, y por ende a la MUD, ella electoral Faltaba AÚN mística. 

El descontento social ya existente se convertirá,: Además, en la ONU Movimiento por la justicia, por la libertad, y al fin, porque ciudadana dignidad.
En Venezuela ha despertado la oposición de Una mística y Hasta el 6d por ello menos ESA mística voluntad electoral. Sin alternativa otra heno.


Las Quienes defienden una "Tercera Vía" DEBEMOS recuerde que Leopoldo López jamas se pronuncia ja En Contra De Las Elecciones. En ellos consideran vitales en Un momento en CUANDO aparecian distante de El Tiempo y Por Eso LLAMO las movilizaciones desde la ONU punto de vista estratégico de han sido por razón- -y con Muchos visto como equivocada.


Pero, malas Errores Leopoldo es el partido en el poder menos de la ONU de la MUD. Voluntad Popular (VP), partido Do, los candidatos Lleva Y Muchos de Ellos seran elegidos con alta Votación. Mala AÚN: Leopoldo Llegó a cometer exigiendo AL REGIMEN La fijación de Uña cierra electorales su vida Propia. 

Al igual que Mandela, López ha comprometido Errores infantiles. Al igual que Mandela, podra rectificarlos. En Cierto ya lo que ha Hecho.


De Acuerdo a DICHO he aquí Llamado any El Camino a la aburrida ya electoral trazado por la Mayoría de la Ciudadanía venezolana usando el nombre de Leopoldo López en la planta supondrá colaborar siniestros estafadores Los Planes de Cabello y Maduro. La media,: Además, traicionar Leopoldo López Cuyos ideales políticos coinciden en esta ocasión con los de la MUD de la Cual Es El militante activo de la ONU.

Si la Oposición venezolana de Muestras de madurez y civilidad y logra prevenir Así la estrategia anti-electoral del Cabello-Maduro, bloqueando incluyó la Posibilidad de golpe un, a la cual sea el desalmado binomio de Gobierno llevará casi con piso, jugar el 11 -S 2015 podra ser recordado como el día en el cual sea Nicolás Maduro comenzo celebra al su automagnicidio política.

A GAZETA CENTRAL REPUDIA A CONDENAÇÃO DE LEOPOLDO LOPES CADE O TRIBUNAL DE HAIA QUE NÃO FAZ NADA

renatosantos
13/09/2015

A www.gazetacentral.blogspot.com.br, facebook renatosantos/gazetacentral, sempre alertou  o que ia  acontecer com LEOPOLDO LOPES MENDONÇA, agora que os líderes acordaram, todos são  culpados , deveriam  ter  tirado a familia de  leopoldo  da VENEZUELA, mas, esquecem da  história  mundial, todos  os  ditadores agem da mesma  forma.

O Alto Comissariado da ONU para os Direitos Humanos, Rupert Colville, foi hoje chocado com a "hard" e "preocupante" sentença de 13 anos 9 meses e 7 dias contra o líder da oposição Leopolo Lopez.





"Nós também estamos preocupados com o direito de Lopez a um julgamento justo, dada a informação recebida sobre irregularidades durante o processo, como a falta de provas para a acusação, rejeitando testemunhas de defesa e comentários contra ele expressas por mais altos níveis do governo da Venezuela ", disse Colville em Genebra.

Secretário de Estado, John Kerry, também expressou preocupação com a "natureza política do julgamento eo veredicto eo uso do poder judiciário da Venezuela para reprimir e punir os críticos do governo."

O porta-voz da Casa Branca, Josh Earnest, processou Lopez e "todos os presos políticos injustamente presos" na Venezuela são liberados.
O senador Marco Rubio, candidato republicano à presidência, pediu ao governo Obama para implementar a "Lei para a Defesa dos Direitos Humanos e Sociedade Civil na Venezuela 2014", que nega vistos e congelamento de bens de violadores de direitos humanos .
"A detenção e prisão de Leopoldo Lopez demonstrar claramente a forma como o julgamento e pena de prisão ter sido uma farsa", disse Rubio, de acordo com o El Nuevo Herald spread. Ele acrescentou: "O regime venezuelano está roubando sua liberdade Leopoldo, sua esposa, seu marido, seus filhos, seu pai e povo venezuelano que está sendo privado de um líder comprometido com as suas aspirações democráticas".
Ileana Ros-Lehtinen, republicana da Flórida também, pediu ao governo para impor sanções a juízes, procuradores e funcionários da prisão "envolvidos nesta decisão cheio de razões políticas."

"Eu acho que é muito má idéia usar os tribunais para punir os cidadãos para os seus pontos de vista políticos. Eu estava na África do Sul com Mandela, com Pepe Mujica no Uruguai e na Venezuela é hoje", disse o presidente da Costa Rica, Luis Guillermo Solis, disse a jornalistas após um evento oficial.

Quando perguntado pelo caso Lopez em uma conferência de imprensa, o vice-presidente do governo espanhol, Soraya Sáenz de Santamaría, pediu "respeito ao devido processo e à liberdade de todos" e que as eleições legislativas realizadas na Venezuela em 6 de dezembro ser "livre, justo, inclusivo e transparente".

O ex-presidente da Colômbia, Álvaro Uribe, descrito como "infâmia" o julgamento do líder do Partido Popular, Will (VP) e sublinhou que "a esperança da liberdade Leopoldo é numerada dias esquerda para a tirania".

Outro ex-presidente colombiano Andres Pastrana, que em maio passado tentou sem sucesso encontrar com Lopez na prisão, twittou que "injustamente condenado a um grande democrata na América Latina."

"O presidente Nicolas Maduro, a sentença será proferida em 06 de dezembro", Pastrana acrescentou, referindo-se às eleições.

O ex-primeiro-ministro espanhol Felipe Gonzalez, que há meses foi oferecido como consultor jurídico para a defesa de Lopez, disse hoje que "a Venezuela se tornou uma ditadura de fato." É um país em que ele disse que o "presidente decidiu pelo Parlamento e Justiça".

A organização Human Rights Watch (HRW) afirmou hoje sentença de Lopez "injusta" e revelando, em vez de "extrema deterioração" que, na sua opinião, sofrem o Estado de direito na Venezuela.

José Miguel Vivanco, diretor para as Américas da Human Rights Watch, "neste caso, é uma farsa." "Em um país sem independência judicial, um juiz provisório sem mandato na execução da pena sob quatro pessoas inocentes depois de um processo em que a acusação não apresentou provas para vinculá-los com qualquer crime, os acusados ​​não foram autorizados a exercer a sua defesa corretamente ", disse Vivanco.

Junto Lopez eles foram condenados a três outros adversários, como ele acusado de crimes relacionados com os protestos de 2014.


Lilian Tintori, às portas da prisão Ramo Verde em Caracas, leu a carta que escreveu Leopoldo Lopez após a decisão contra ele.

Outra organização de direitos humanos, Anistia Internacional (AI), denunciaram a "falta total de independência judicial" da Venezuela, que emitiu uma condenação "nenhuma evidência crível". Lopez é "um prisioneiro de consciência e deve ser imediata e incondicionalmente libertados", disse Erika Guevara-Rosas, diretor para as Américas da AI.

Lopez respondeu a acusações de incitação pública, conspiração, danos à propriedade e incêndio criminoso em conexão com a violência, que deixou três mortos, registrado em 12 de Fevereiro, 2014, no final de uma marcha que é considerada a salva de os protestos do mesmo ano.

O líder do partido de oposição peruana Forças Populares, Keiko Fujimori, filha do ex-presidente Alberto Fujimori disse em seu Twitter solidariedade com Lopez, "um patriota ... um lutador".

O candidato a presidente Mauricio Macri Argentina, o conservador Proposta Republicana (PRO), solicitou que os presidentes dos outros países do Mercosul (Venezuela é um membro) "interceder" para a "salvaguarda e liberdade" é assegurada Lopez.

O presidente da Comissão de Relações Exteriores do Senado brasileiro, Aloysio Nunes, disse à Agência Efe que a sentença imposta Leopoldo Lopez "compromete a legitimidade das eleições" 6 e dezembro.

Senadores e deputados da oposição uruguaia mostrou sua "condenação enfática" da frase, como os deputados da Aliança dos Democratas e Liberais pela Europa (ALDE).

Ativista venezuelana Gisela Parra, exilado em Miami, descrito como "crônica anunciou" a convicção de Lopez, como ele recordou que Diosdado Cabello, presidente da Assembleia Nacional, já havia abordado a ele "foi condenado à pena máxima."
Leopoldo Lopez escreveu uma carta emocional da prisão que ele conheceu uma mobilização para sábado 19 de setembro e anunciou que vai apoiar a oposição nas eleições legislativas em 06 de dezembro.

Anuncio

Seguidores

CAMPANHA PRA VENEZUELA

CAMPANHA  PRA  VENEZUELA
PRECISA DE AJUDA HUMANITÁRIA

As principais matérias do blog