GAZETA CENTRAL INSTAGRAM

SENADOR MARCO RUBIO DISSE QUE A UNIÃO ENTRE CUBA E OS ESTADOS UNIDOS É UMA ILISÃO, DETALHE ELE É REPUBLICANO SE FOSSE O BUSH QUAL SERIA A SUA OUTRA OPINIÃO

FONTE  CNN


Nota do editor: Fareed Zakaria é o anfitrião do "Praça pública Global", que vai ao ar aos domingos às 10:00 e 13: 00 ET na CNN. As opiniões expressadas são as suas próprias.


(CNN) — para opor-se a abertura do Presidente Barack Obama para Cuba, Flórida, Marco Rubio, argumentou o senador republicano: "toda essa mudança de política anunciada é baseado em uma ilusão, uma mentira: que mais comércio e acesso ao dinheiro e bens resultará em liberdade política para o povo cubano". Rubio foi logo com a raiz do problema. Mas a teoria, a lógica e a história sugerem que é errado em suas conclusões.

Eu recomendaria uma loira dos clássicos do conservador pensando, Milton Friedman "Capitalismo e liberdade". Você não tem que gastar muito tempo. 

O primeiro capítulo descreve a "relação entre liberdade econômica e liberdade política".

Friedman aponta em seu ensaio que os fundadores dos Estados Unidos sabia bem. Com referência ao dono do filósofo político John Locke, que acreditavam que a liberdade de comprar, vender, e comércio foram fundamentais para a autonomia individual e liberdade humana. Enquanto eles se expande, se expande a liberdade.

Isto não é apenas uma teoria, é claro. Durante os últimos dois séculos, países que abraçam "mais comércio e acesso a dinheiro e Propriedade", nas palavras do Rubio - Grã-Bretanha, Estados Unidos, em seguida, Europa Ocidental e Ásia Oriental - não só ter movido na direção de maior prosperidade, mas também a liberdade política.

Se você excluir países ricos em petróleo, onde o dinheiro só é alcançado através de escavando a terra, quase todos os países que usaram os mercados livres e o comércio livre para crescer também são países democráticos.

Sim, existem algumas exceções: Singapura e China (embora este último ainda não é uma economia desenvolvida.) Mas, em geral, houve uma ligação muito forte entre liberdade econômica e liberdade política.

Na própria América Latina, a linha foi clara. O regime de Augusto Pinochet abriu sua economia no início da década de 1970. Chile começou a crescer, mas o crescimento, em seguida, produziu uma sociedade civil mais forte que eventualmente reivindicado pelo fim da ditadura de Pinochet. (O mesmo padrão pode ser visto em Taiwan, que a Coreia do Sul, Espanha e Portugal).

Na América Latina hoje, democracia e mercados tem tomado medidas para se reforçam mutuamente, transformando o continente, que há 30 anos era governada quase em sua totalidade por ditaduras em um continente que hoje é quase totalmente dominada por democracias.

Cuba é um caso atípico, um dos últimos regimes na América Latina, que adotou os mercados nem cédulas. A Obama Administração está agindo com base na teoria que mais comércio, capitalismo, contato, viagens e comércio irão incentivar a capacitação dos cubanos e proporcionando-lhes assim mais voz no seu futuro político.

O primeiro ponto a salientar é que ele vai ajudar os cubanos economicamente - que irá aumentar sua renda, seu padrão de vida e aumentar o acesso à tecnologia. Estas são todas as coisas boas em si mesmas.

Mas aliviar o embargo também vai ajudar os americanos, que irão beneficiar a possibilidade de comércio com um vizinho. 

Esta é a razão por que os conservadores compreenderam há algum tempo que o comércio livre não é um dom outorgado a alguém. Ajuda a ambos os países e, em particular, para ajudar os Estados Unidos.

Portanto, o Publisher do Wall Street Journal - bastião do pensamento conservador - defendeu o levantamento do embargo comercial contra Cuba, que é um passo maior do que a normalização do Obama.

Então, ele suporte abertura do Obama? Claro que não. 

Acontece que eu fiz isso de forma errada. É difícil não pensar que o problema aqui não é a política, mas quem é o Presidente. Bush anunciou esta iniciativa, tenho a sensação que o Wall Street Journal que saudando- e loira iria ser citando Milton Friedman para todos nós.

Portanto, isso significa que eles não aceitam a abertura do Obama? Claro que não. Acontece que ele tem feito isso de forma errada. É difícil não pensar que o problema aqui não é política, mas quem é o Presidente. 

Se fosse o Bush, que enunciou esta iniciativa, tenho a sensação que o Wall Street Journal iria ter saudado- e Rubio iria ser agora citando Milton Friedman.

GAZETA CENTRAL E IRBING INTERNACIONAL: DEPOIS DE PUBLICAR NA INTEGRA E COM EXCLUSIVIDADE O DISCURSO DO PRESIDENTE OBAMA, AGORA PUBLICA O DISCURSO DE RAUL CASTRO QUE FIQUE REGISTRADO NA HISTÓRIA, ELE CASTRO AGRADECEU AO PAPA FRANCISCO E AGORA QUAL PRÓXIMOS PASSOS

Compatriotas:

Desde a minha eleição como presidente dos conselhos de estado e ministros, já reiterei em muitas ocasiões, nossa vontade de manter um diálogo-friendly, com base na igualdade soberana, com o governo dos Estados Unidos para tratar os mais diversos temas de forma recíproca, sem prejuízo para a independência nacional e a autodeterminação do nosso povo.

Esta é uma posição que foi expresso ao governo dos Estados Unidos, público e em privado, pelo companheiro Fidel em momentos diferentes de nossa longa luta, com a abordagem para discutir e resolver as diferenças através de negociações, sem sacrificar a um dos nossos princípios.

O heróico povo cubano demonstrou, enfrentando grandes perigos, ataques, dificuldades e sacrifícios, é e será fiel aos nossos ideais de independência e justiça social. Estreitamente ligada nos 56 anos da revolução, nós mantivemos profunda lealdade a quem caiu defendendo esses princípios desde o início da nossa independência em 1868.

Agora, realizar, apesar das dificuldades, a atualização do nosso modelo económico para construir um socialismo próspero e sustentável.

Resultado de um diálogo ao mais alto nível, que incluía uma conversa que tive ontem com o Presidente Barack Obama, tem sido capaz de avançar na solução de algumas questões de interesse para ambas as nações.

Como prometido Fidel, em junho de 2001, quando ele disse: eles vão voltar!, chegaram hoje em nossa pátria, Gerardo, Ramón e Antonio.

A grande alegria da sua família e todo o nosso povo que incansavelmente foram mobilizados com esse objetivo, estende-se entre as centenas de comitês e grupos de solidariedade; Governos, parlamentos, organizações, instituições e personalidades que, durante estes 16 anos, afirmou e fez grandes esforços para sua libertação. Todos eles expressam a mais profunda gratidão e compromisso.

Esta decisão do Presidente Obama, merece o respeito e o reconhecimento do nosso povo.

Gostaria de agradecer e reconhecer o apoio do Vaticano e especialmente, pai Francisco, para a melhoria das relações entre Cuba e Estados Unidos. 

Igualmente, para o governo do Canadá para as instalações criadas para a realização do diálogo de alto nível entre os dois países.

Ao mesmo tempo, nós decidimos liberar e enviar para os Estados Unidos para um espião de origem cubana, que estava a serviço dessa nação.

Por outro lado, com base em razões humanitárias, hoje também voltou para o cidadão de país EUA Alan Gross.

Unilateralmente, como é nossa prática e em estrita conformidade com a lei, para os prisioneiros, receberam benefícios penais, incluindo a libertação de pessoas em que o governo dos Estados Unidos tinha mostrado interesse.

Também combinamos a restauração das relações diplomáticas.
Isto é, não quer dizer que a principal coisa é resolvida. O bloqueio económico, comercial e financeiro que causa enormes prejuízos humanos e económicos para o nosso país deve cessar.
Embora as medidas de bloqueio foram convertidas em lei, o Presidente dos Estados Unidos pode modificar sua aplicação no exercício dos seus poderes executivos.

Propomos ao governo das medidas mútuos dos Estados Unidos para melhorar o clima bilateral e avançar para a normalização das relações entre nossos dois países, com base em princípios de direito internacional e da carta das Nações Unidas.

Cuba reitera a sua disponibilidade para apoiar a cooperação em organismos multilaterais, como as Nações Unidas.

Para reconhecer que temos diferenças profundas, principalmente em questões de soberania nacional, democracia, direitos humanos e política externa, reafirmo a nossa vontade de discutir todas estas questões.

Exorto o governo dos Estados Unidos para remover os obstáculos que impedem ou restringem os laços entre nossos povos, famílias e cidadãos de ambos os países, em particular aqueles relacionados a viagens, correio postal, direto e telecomunicações.

Progresso sustentado intercâmbios mostrar que é possível encontrar uma solução para muitos problemas.

Como já dissemos, temos de aprender a arte de maneira viva, civilizada, com nossas diferenças.
Estas questões importantes, que nós voltaremos mais tarde.
Muito obrigado.
Fonte: Cubadebate

GENEBRA RECEBE DENUNCIAS CONTRA NICOLAS MADURO E VAI ANUNCIAR SOBRE O CASO DE LEOPOLDO LOPES ATÉ SEGUNDA QUINZENA DE JANEIRO DE 2015

Comitê Internacional sobre Desaparecimentos Forçados, detenções arbitrárias genocídio e crimes contra a humanidade e da ONU deve Acto de Genebra sobre o caso de Leopoldo Lopez




O presidente do Comitê Internacional sobre Desaparecimentos Forçados e Detenções Arbitrárias genocídio e crimes contra a humanidade, vai anunciar a sua resolução sobre o caso da detenção do Sr. Leopoldo López, na Venezuela.

O porta-voz Comitê Internacional Pedro Cabrera informou que o Humanista Israel Álvarez de Armas, Chairman, anteriormente segurar a publicidade de resolução uma reunião formal com o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos Ra'ad Zeid Al Hussein e com a presença de membros do Grupo de Trabalho para a Detenção Arbitrária.


NICOLAS MADURO FALSIFICOU A CERTIDÃO DE CASAMENTO DE SEUS SUPOSTOS PAIS, FOI ANULADA A CERTIDÃO DE CASAMENTO PELA ARQUIDIOCESE DE BOGOTÁ FICA UMA PERGUNTA QUEM É NICOLAS MADURO, NÃO É VENEZUELA, AGORA APARECE ESSA

http://ccee.fullblog.com.ar/matrimonio-eclesiastico-entre-los-presuntos-padres-de-nicolas-maduro-e.html
Para  www.gazetacentral.blogspot.com.br

O Chanceler da Arquidiocese de Bogotá Padre Ricardo Alonso polido Aguilar, foi certificado pela carta oficial da Igreja da Colômbia, o casamento na igreja entre os cidadãos Jesús Nicolas Maduro Garcia e Teresa de Jesus mouros Acevedo cuja nota aparece além do ato de batismo de cada partido, Teresa de Jesus Moors Acevedo na Igreja San Antonio de Pádua, em CúcutaNão foi realizado em 1956 na Igreja de nossa senhora de Fátima em Bogotá por qualquer padre, já que mencionei a Paróquia Nossa Senhora de Fátima começou seus serviços a partir do ano de 1959, pelo qual tal casamento o ato é inexistente matrimonial.

Este documento será apresentado na Igreja de Saint Anthony de Pádua para a anulação do anúncio que aparece fora a lei n. º 1155 de fólio 195 do livro de batismos na data de 19 de outubro de 1929.

Como será também apresentado o referido documento para cancelar oficiosamente o estado civil de "Casado" no Registro Nacional do Estado Civil no certificado de cidadania N ° 20.007.077, que corresponde ao cidadão Teresa de Jesus mouros do Maduro, que foi lançada em 9 de dezembro de 1956 data, que está em vigor.


BRASIL ISOLA DE VEZ NICOLAS MADURO E O PORTO MARIEL É UM EMPRÉTISMO E SERÁ PAGO COM JUROS

Se  NiCOLAS MADURO,  estiver  pensando em ter  o apoio do Brasil  pela  suas  atitudes, desta  vez  se enganou ou ele  volta com a DeMOCRACIA na  VENEZUELA  E  LIBERTA LEOPOLDO  LOPES, ou  vai  ficar  isolado de vez a  julgar pelas  respostas  o dinheiro investido em CUBA será  pago  com juros.


O especial de Assuntos Internacionais da Presidência da República do Brasil conselheiro, Marco Aurélio Garcia, disse que seu país "ativamente" envolvidos no processo de aproximação entre Cuba e os Estados Unidos, inclusive em questões como a troca de prisioneiros, disse sexta-feira EFE .

"Alguns anos atrás, estão envolvidos nas conversações entre Cuba e os Estados Unidos. Estávamos procurou por iniciativas como a troca de prisioneiros", disse García diária Folha de Sao Paulo.

Presidente cubano Raul Castro "me pediu para passar opiniões sobre a prestação (diálogo) que teve os dois países e disse que está disposto a negociar a partir de A a Z, não temos restrições", explicou o conselheiro diretor para o presidente do Brasil, Dilma Rousseff.

"Isso foi há um ano. Lá fizeram negociações de mediação com o Vaticano, o que levou ao anúncio", disse Garcia.

O acadêmico também defendeu a participação do seu país em projetos desenvolvidos pelo governo cubano, apesar de fortes críticas por parte da infra-estrutura da oposição, imprensa local hoje.

"A crítica de investimentos brasileiros em Cuba são ideológicas. Mas estamos operando a realista", disse Garcia, referindo-se às oportunidades que surgem na ilha com a abordagem de diálogo anunciou quarta-feira pelos governos de Havana e Washington.

A participação de empresas brasileiras no Porto de Mariel, com financiamento do Desenvolvimento Social Nacional Económico e Banco do governo (BNDES), a principal instituição para promover o Brasil era uma questão repetidamente dirigida pela oposição nas eleições em outubro passado em que foi reeleito Rousseff.

"O que Mariel é um empréstimo e será pago com juros. 

Quando o ex-ministro dos Negócios Estrangeiros (e atual ministro da Defesa) Celso Amorim disse que os brasileiros queriam ser os primeiros amigos de Cuba, que não era apenas retórica", disse Garcia.

Desde 2009, o BNDES desembolsou 765 milhões dólares para financiar projetos no Haiti.

Construtora brasileira Odebrecht, que deu o porto e trabalha na remodelação do aeroporto José Martí, disse ao jornal que a aproximação entre Cuba e os Estados Unidos é um grande "oportunidade" para "benefício do negócio" das empresas operadoras de 300 no Brasil na Ilha.

Para Garcia, o Brasil "teve a confiança no processo político e econômico importante que já estava em andamento em Cuba e nós apostamos nisso."

De acordo com o conselheiro, a abordagem manifestado Wednesday "foi removido o último remanescente da Guerra Fria".
"Foi uma atitude corajosa do presidente dos EUA, Barack Obama, e uma decisão madura e sensata presidente cubano, Raúl Castro. Isso cria condições para um diálogo aberto entre os EUA ea América Latina ", frisou.

Em Cuba, de acordo com Garcia, "estão ocorrendo mudanças, embora eu odeio usar a palavra, porque pressupõe a abertura foi fechada. Isso vai influenciar o tecido social e político, inevitavelmente".

Essa aproximação entre os EUA e Cuba também fortalecer "muito boas relações" entre o Brasil e os países da América do Norte, que sofreu "distúrbios menores" pela alegada espionagem dos EUA, disse Garcia.

Nesse sentido, o consultor descobriu que o vice-presidente dos EUA, Joe Biden tentou falar com Rousseff para "antecipar o anúncio de que Obama seria no restabelecimento das relações com Cuba".

Ele disse: "Quando a América Latina discutiu com US países viraram as costas para o problema de Cuba, mas estava ciente do problema no Departamento de Estado dos Estados Unidos" e, nesse sentido destacou o papel "importante" e "pensamento lúcida "US ex-embaixador no Brasil, Thomas Shannon.

DENUNCIA : O MINISTÉRIO DA SAÚDE NÃO REPASSOU R$ 3,5 BILHÕES A MAC POR ISSO OS SERVIÇOS DO SUS VÃO FICAR SUSPENSOS EM TODO O BRASIL

Fonte: Federação Brasileira de Hospitais
EXCLUSIVO GAZETA CENTRAL E IRBING INTERNACIONAL



ATAQUE ABERTO - "O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975) 


O Ministério da Saúde não honrou seu compromisso com os hospitais que atendem a Média e Alta Complexidade. Apesar de ter afirmado em nota que a primeira parcela do pagamento de novembro seria depositada nessa terça-feira, dia 16, os valores não foram repassados. Cerca de 55% dos R$ 3,5 bilhões destinados à MAC são referentes aos serviços prestados pelos hospitais filantrópicos. 

A dívida global do Setor, que reúne os déficits com bancos, fornecedores e dívidas tributárias, deve chegar a R$ 17 bilhões até o final do ano.

“O Ministério da Saúde fez um anúncio pela imprensa e pelo Fundo Nacional de Saúde de que pagaria. Criou expectativa, mas até agora, nada. É um calote, que terá consequências. Se não temos como pagar nossos funcionários, vamos ter de suspender o atendimento”, disse o presidente da Confederação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos (CMB), Edson Rogatti. A CMB apurou que o calote foi do Tesouro Nacional, que não repassou os recursos, deixando o Ministério da Saúde em uma situação desconfortável.

As Santas Casas e hospitais filantrópicos são responsáveis, atualmente, por mais de 50% dos atendimentos do Sistema Único de Saúde (SUS), em geral; e por mais de 60% dos atendimentos oncológicos, das neurocirurgias e dos transplantes. Em muitos municípios de até 30 mil habitantes, as instituições são as únicas unidades de saúde.

O valor a ser repassado pelo Ministério da Saúde a rede hospitalar de Santa Catarina está estimado em 50 milhões. E para agravar ainda mais a situação da rede hospitalar de Santa Catarina os recursos devidos aos hospitais pela produção das cirurgias eletivas que desde 2011 produziram o equivalente ha 65 milhões de reais dos quais foram pagos 52 milhões de reais restando a receber 13 milhões de reais. 

Recente portaria publicada libera para Santa Catarina 6 milhões de reais para pagamento dos procedimentos eletivos, a portaria foi publicada mas, até o momento o valor não foi creditado. Não recordo, desde o inicio do Plano Real, há vinte anos, ter havido atraso no pagamento dos repasses do SUS pelo Governo Federal. 

Estamos vivendo uma época de incertezas e de extrema crise governamental. A saúde, continua, não sendo prioridade do Governo. É uma vergonha a forma pela qual somos tratado. Que governo é este que trata tão mal uma das áreas mais importantes para o povo – a SAÚDE. Esperamos que em 2015 sejamos tratados com dignidade. 

A rede hospitalar está cansada e insatisfeita e senão tivermos uma resposta digna e eficiente estamos propensos ha CANCELAR todos os atendimentos aos usuários do SUS. Desejamos que o Governo responda por sua atitudes e por sua incompetência, desabafa Hilário Dalmann – Presidente da Federação das Santas Casas, Hospitais e Entidades Filantrópicas de Santa Catarina.

MESMA NOTÍCIA DE OUTRA FONTE:

O Governo Federal ainda não repassou o pagamento aos estados e municípios, referente aos serviços prestados da rede hospitalar ao Sistema Único de Saúde (SUS), no mês de novembro. O pagamento é referente aos procedimentos de média e alta complexidade, como cirurgias, transplantes e emergências, e equivalem a uma dívida superior a R$ 3 bi.

O Tesouro Nacional não repassa e não informa a disponibilidade de recursos para o Ministério da Saúde e já sinalizou que ainda não tem data provável para efetuar o referido crédito.

O repasse do Fundo Nacional de Saúde costuma ser realizado até o quinto dia útil de cada mês. Para o mês de dezembro, devido ao atraso, foi informado que 70% do pagamento deveria ser repassado no dia 16/12/14 e os 30% restantes da dívida seriam pagos até o dia 5 de janeiro, mas o Governo Federal ainda não justificou a falta do pagamento.

A Federação Brasileira de Hospitais orientou a rede hospitalar privada a suspensão imediata dos atendimentos ao SUS, exceto os casos de emergência com risco de morte.

Nesta condição, significa que não haverá recursos para o Ministério da Saúde em 2014 cumprir com o pagamento e conclui-se que o mês de janeiro de 2015 certamente já estará comprometido.

O presidente da Federação Brasileira de Hospitais, Luiz Aramicy Pinto, está disponível para prestar esclarecimentos sobre o assunto.
Fonte: Federação Brasileira de Hospitais

NICOLAS MADURO A PRAGA DO EGITO ESPIRITO DESTRUIDOR MATA SEUS ANCIÕES DE FOME, E DE DESPREZO

NOTA:  FOTO ENVIADA  PELA  NOSSA LEITORA 


EU ESTAVA NO SUPERMERCADO SAN DIEGO, VALERA EDO. TRUJILLO, A PESSOA MAIS DEPRIMENTE ESPETÁCULO E DESMORALIZADOR PODE VER:

UMA MULHER MUITO HUMILDE FOI SE AJOELHOU, IMPLORANDO A TELLER QUE PODERIA VENDER 2 PACOTES DE FARINHA DE PÃO; EU CORRI PARA LEVANTÁ-LA DO CHÃO E COMEÇOU A PERGUNTAR A GRITOS QUE AGRADAR ALGUÉM ACONTECEU 2 CARAMELOS DE FARINHA PARA A VELHA. EU CHOREI DE DESAMPARO E BAIXEI MINHA RAIVA COM A CAIXA. NINGUÉM, ABSOLUTAMENTE NINGUÉM FEZ NADA; ONDE CHEGÁMOS QUE DESUMANIZAÇÃO E INSENSIBILIDADE ÓTIMA.!!!

ALGUÉM TOCOU PARA VER CENA TÃO LAMENTÁVEL, E TODO MUNDO ESTÁ PRESO AOS SEUS PACOTES DE FARINHA DE PÃO COMO SE ESTAVAM DEFENDENDO SEUS FILHOS... E INFELIZMENTE, EU NÃO POSSO PASSAR SUA HARINITA PORQUE HÁ COMPRA PELO C.I. N. º DE TERMINAIS E NAQUELE DIA EU NÃO JOGO PARA MIM.


ONDE FOI O RESPEITO, VALORES, GENEROSIDADE E SOLIDARIEDADE QUE TANTO "NOS DISTINGUE" VENEZUELANOS?

E  ainda  para  completar NICOLAS MADURO  não  respeita  uma senhora  idosa que  poderia  ser a mãe  dele,  como uma pessoa que esta  no poder  pode  ser  tão  frio, sem  amor, sem calor da humanidade, todo o poder  um dia  termina  e  o que será  do seu futuro.

Essa  imagem  postada  por  nossa  leitora no  facebook, nos chocam  é   verdade, mas,  também mostra  que  MARCÃO continua  sendo inécio e  louco, quer  matar  a  população  de fome, é  um covarde, é  só olhar  para  os olhos  dele  e  ve que  de amor não  tem absolutamente  nada  nem CUBA quer  ele.

É  uma das  pragas  do  egito que  se instalou  na VENEZUELA, para  destruir  tudo, existe  nele  o  espíto  de  destruídor, esse demonio  acabou  com a  economia  venezuela  em menos  de  um ano.





Anuncio

Seguidores

CAMPANHA PRA VENEZUELA

CAMPANHA  PRA  VENEZUELA
PRECISA DE AJUDA HUMANITÁRIA

As principais matérias do blog