GAZETA CENTRAL INSTAGRAM

LEER el BLOG www.gazetacentral.blogspot.com.br después de un año sin cualquier CRIMINAL evidencia por LEOPOLDO LEE permanece encarcelado. Una pista: para las elecciones de 2014 Brasil, era un mensaje de la oposición del FORO DE SÃO PAULO NO y de hecho los brasileños han sido engañados, robó y hoy pagan un caro precio: este es el plan del Foro de SÃO PAULO LEOPOLDO LOPES fue y está siendo utilizado para el cual hay sin oposición en Brasil.

Qual e quem esta  por  tras da prisão de LEOPOLDO LOPES, que  nesse mês  completa um ano. O  objetivo  é  mostrar aos opositores  do SISTEMA  DE REPRESSÃO  chamado FORO DE  SÃO PAULO,  cuja seu  comandante  é FIDEL CASTRO, RAUL CASTRO E  LULA INÁCIO LUIS  DA  SILVA, ambos  para  destruir  tudo  que se tem  nos  País  como VENEZUELA  e  depois  o BRASIL.

Mantendo  o opositor do  chamado  governo NICOLAS MADURO, na prisão deixaria recado  nas  eleições  brasileira  que  não tivesse  nenhum opositor  contra a reeleição da  atual presidente  DILMA,  e  quem não  acreditou  foi  apagado da  vida  politica assim como  tentaram  por  todas  as  formas  fazer  com LEOPOLDO LOPES.

Ao mesmo  tempo esse  foro  de  SÃO PAULO, enquanto escravizava a  VENEZUELA, depois  das  eleições  faria  o mesmo  no Brasil da seguinte  maneira MENSALÃO, PETROBRAS,SENADO, CONGRESSO NACIONAL,BOLSA  FAMÍLIA,ECONOMIA QUEBRADA, AGRICULTURA  FALIDA, DESEMPREGO, CORRUPÇÃO  EM TODAS  AS ESFERAS E  ATRAVÉS  DOS PARTIDOS,  SINDICATOS, MOVIMENTOS  SOCIAIS, EMISSORAS  DE  RÁDIO E  TV, JORNAIS IMPRESSO, ESCASSEZ  TOTAL, STF ENTRE OUTROS, ESSE É  OBJETIVO  DO  FORO  SÃO PAULO.

Na  economia  tanto da VENEZUELA  como  do BRASIL , é  só observar os  caminhos da falência  total das  principais EMPRESAS ESTATAIS  DO BRASIL a mesma  coisa ocorreu no País  irmão, 



Leopoldo López - caso e estudantes detidos este ano - ainda é um obstáculo para o governo maduro internacionalmente. Não há nenhum evento ou conferência das partes, organismos multilaterais ou reuniões políticas nas Américas ou Europeia que o assunto já não tratada ou pelo menos fazer uma referência. Um relatório para a alta deve ser ponderando governo de um "think tank" perto os resultados de rendimentos vermelho que tê-los. Tabelas de acompanhamento mostram como a popularidade de Lopez veio a crescer após sua detenção arbitrária à custa de Henrique Capriles pontos e outros líderes de oposição. 

Governos que questiona a prisão de oficial e em estudantes de adição, não tem evidência de ilegalidade, montagem, em uma tortura de casos, falso testemunho e em geral não-independência do poder judiciário nacional sob as ordens da Presidência da República, a assembleia ou o PSUV. 

É por isso uma das recomendações é deixá-lo livre como "assim vai enfrentar o resto dos adversários, será ainda mais dividir a lama e pode não estar de acordo em unitários candidatos para as eleições legislativas que devemos antecipar pelo menos a abril se não for possível antes". 

0utro ponto que garante que a liberdade é o que garante que "sua partida distrairia o país pelo menos até meados de Janeiro, e isso é importante para os problemas econômicos que poderiam ser muito preocupantes" a partir de 2015. Com três décadas de ações diabólicas lá ser adivinho nem pense mal bater...


MÉDIO
I: DADOS GLOBAIS

Na imprensa global informações documentadas sobre corrupção e personagens venezuelanas antes a pressão vermelha nas curvas a mídia local. 

Nas Américas jornal ontem partiu de informações, que intitulado "Cobra em todos os lugares" no qual se referir o advogado Golinger, conselheiro notório Chavez (mesmo do Marcão?) e sua busca para obter novos clientes no espectro político da Unasul.

Nota: "a gringa-venezolana de cedulada duplo Eva Golinger, advogado que por anos tinham seu escritório em Miami com sua mãe para obter os artistas venezuelanos, cantores principalmente visto de trabalho ou residência em terras do agora odiado"Império americano", tem sido em 15 anos de revolução socialista, um promotor de Chavez e Maduro." 

Hoje é ver que formas e modos que tiveram que trazer dinheiro para o governo vermelho vermelho estão ficando difíceis e, portanto, fui ao Equador para oferecer seus serviços para Rafael Correa. 

Seu portfólio de serviços vai em um pacote de promovê-la no canal internacional russo RT, onde ela tem um programa para atacar os Estados Unidos e países dentro da órbita socialista comunista onde, naturalmente, Cuba e Venezuela são promovidos diariamente para louvar. 

Sua oferta ao Equador inclui montagem de campanhas de mídia dos EUA contra "direita e direita equatoriana", acusações infundadas, propaganda contra a liberdade de expressão dos meios de comunicação da direita, endógena limitação das liberdades civis e mais como guerra económica e americano ataca com sabotagem, greves e golpes de estado. Correa recebeu, mas até agora não ter-lhe apresentado o portfólio aprovado."

A diva rojita carregando suas malas e maletas com a mesma cor da robolucion (aqui podemos dizer que ele decora-los com um cartão de plástico enorme que diz "casa militar, especial convidado da Chávez) tem na tela do seu laptop - que exibe para que possam ver membros da tripulação e seus vizinhos nos assentos da classe executiva no qual viaja devido seu recrutamento venezuelano - a foto no meio de Fidel Castro como um"protetor de tela"e Hugo Chávez. 

O IRS, o Seniat dos EUA, ainda procurando por faixas de fraude fiscal, para pagamentos no exterior, sem resultados. A senhora que tem um espaço para entrevistas na TV Rússia ("o Telesur global russo") afirmou que influência para que na grelha do anúncio (televisão digital) venezuelano inclusão RT atribuindo o espaço que deve ser a temporada do venezuelano ValeTV igreja, até agora a melhor estação de televisão cultural no país...

I DADOS GLOBAIS:

Desta vez foi o relatório do senhor deputado Antonio Maria Delgado, El Nuevo Herald sobre a rede latino-americana de patriotas que colaboraram que opera o chavismo na América Latina e que levam desde a Susana. 


Dá provas de 28 cartões com os dados pessoais dos cidadãos equatorianos, membros do seguro Mission District que faria da contra-inteligência do governo venezuelano. Na última metade mesma semana foi relatado a denúncia brasileira pedindo explicação da "suposta" participação de crianças e adolescentes brasileiros em brigadas de comunicação na Venezuela. 

Isto apareceu após a detenção de "a babá Marinha" do Ministro Elías Jaua e a assinatura de acordos entre ele e o movimento sem-terra para o Brasil continua a insistir é dada uma explicação. 

Aqui o regime tenta ignorar a reclamação dos vizinhos, mas o registro continua nos tribunais do Brasil. Os meios de comunicação desse país estão pendentes em uma base diária. Marcão mostrou aqui com ele em pelo menos cinco das cadeias nas últimas duas semanas dando apoio implícito para o autor da infracção das regras mais elementares de diplomacia e protocolo...

SOB
ROJOPINTAS:

Engenheiro industrial e analista David Morán publicaram no portal o pino um relatório revelando, juntamente com os dados de negócio Monitor-Fitch, intitulado "Óleo de La Samba de Lula a Chávez" onde cruamente revela como tanto o Lula e o Rafael Correa aproveitaram o buchiplumismo de Chávez e o manipulou seu ego para tomar o mercado para a Venezuela, no meio o mais grande "boom" dos preços do petróleo e nas três décadas que não.

Passo a citar: "um perdedor, dois vencedores: Venezuela perdeu para Hugo Chávez na Presidência." Sua lotação esgotada de política de óleo e antinationals levou os país perder 971 catorze mil barris por dia de capacidade de produção, - 28%, se os preços do petróleo atingiram seus valores mais altos e mais longo na história. 


Enquanto isso, OPEP Brasil mercados petrolíferos tem 767 mil barris por dia de petróleo em 2013, em comparação com o ano 2000 e Equador, dentro da OPEP, 131 mil barris por dia no mesmo período. 

Brasil e Equador se juntou em 2013 898 mil barris por dia, durante o ano 2000, enquanto a Venezuela perdido 971 mil barris por dia. Dois nacionalistas sensatos levaram as oportunidades que o anti-nacionalista sellout roubou seu povo ".

5 dias atrás em pinho PetroCaribe Ramírez e o ministro ofereceu-se para aumentar diariamente despachos de 70 para barris de 120Mil (?) e na OPEP, continuaremos a formação enquanto paga PDVSA que os vienenses desfrutar...

AGORA POUCO EM RAMO VERDE VENEZUELA HOMENS MASCARADOS INVADIRAM A CELA DO PRESÍDIO E DERRETERAM AS GRADES DAS BARRAS DAS CÉLULAS DE LEOPOLDO LOPES E DANIEL CEBALLOS

Com tochas de soldagem (equipamento de corte de flama) e um comando militar de moedura derreteram as barras das células de Leopoldo López y Daniel Ceballos em Ramo Verde; 

Após intrometendo-se violentamente, destruíram-nos para dentro. Assim, ele denunciou através de sua conta no twitter Lilian Tintori, esposa do líder da oposição venezuelana e coordenador nacional do povo vai festejar quem status desconhecido do marido e o ex prefeito de San Cristobal.

Comando de ação violenta ocorre então na quinta-feira, mais de 36 homens encapuzados e vestidos de preto, carregando armas de curtas e longas tentam em 2 ocasiões para atacar da mesma forma contra os líderes do Popular vai e ameaçar Lopez dizendo "se preparando, vai voltar com tudo".

Tintori na sexta de manhã deu uma conferência de imprensa, juntamente com Rosa Orozco, mãe de Geraldine Moreno (+) e o seguidor do acórdão Jonny Montoya, irmão de Juancho Montoya (+), onde explicou as ações violentas realizadas contra Lopez e Ceballos quinta-feira em Ramo Verde, bem como os resultados de uma turnê internacional realizado pela Europa e os Estados Unidos onde realizou reuniões sobre a crítica situação dos direitos humanos na Venezuela com o Vice-Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden; o secretário-geral da OEA, José Miguel Insulza; e ao secretário-geral da Anistia Internacional, Salil Shetty.

No momento desta nota, Tintori é dirigido em companhia de seus advogados e líderes da unidade e do povo vai festejar a cadeia Ramo Verde militar para lidar com os principais oponentes do estado.

A seqüência de eventos irregulares ocorre no final do primeiro aniversário da emissão arbitrária e sem base de um mandado de prisão por Nicolas Maduro contra Leopoldo López e seu regime de detenção subsequente em 18 de fevereiro.


Nicolas Maduro tinha Lopez à vista desde que teve que substituir Hugo Chávez quando sua longa convalescença não foram autorizados a tomar o poder em 2012. Já então ele tinha culpado jovem líder do Popular será de "desestabilizar manobras".

Com estudos em economia na Universidade de Harvard, Lopez detém uma bem sucedida carreira política: em 2000, com idade de 29, ele foi eleito com 51% dos votos para seu primeiro mandato como prefeito de Chacao, Caracas de grande mais ricas do município e sua reeleição em 2004, varrido com 81 por cento. Em abril de 2002, foi um dos muitos políticos que ligou para as manifestações opostas de rua que levou a um golpe de estado que brevemente tomou o poder para o então presidente Hugo Chávez.

REPRIMEN CON VIOLENCIA MARCHAS EN VENEZUELA EN EL PRIMER ANIVERSARIO DE LAS PROTESTAS CONTRA MADURO Reprimen marcha pacífica de estudiantes en San Cristóbal


Los estudiantes de San Cristóbal, estado Táchira, salieron a la calle este jueves 12 de febrero. Los jóvenes marchaban hasta la Defensoría del Pueblo del Táchira, pero un piquete de la policía no lo permitió. Luego fueron reprimidos con bombas lacrimógenas y perdigones.
Varios resultaron heridos con perdigones y lacrimógenas, mientras que funcionarios fueron atacados con  piedras.

A los estudiantes se les informó que no se le permitiría que llegasen hasta la entrada de la Defensoría y que una comisión integrada por jóvenes s de las diferentes universidades, debía entregar el documento pero los ánimos se caldearon  y comenzaron a lanzar piedras y en respuesta, bombas lacrimógenas.
Reinaldo Manrique, del centro de estudiantes de la ULA Táchira, denunció que el propósito de la marcha siempre fue hacer la actividad en paz y que en un momento, cuando se acercaron a la Biblioteca Pública, un grupo de jóvenes que no son universitarios, quería enfrentar a unos PNB y que el mismo movimiento estudiantil los controló.

Posteriormente, cuando encontraron al resto de los piquetes estaban organizándose para determinar quiénes entregarían el documento, había otro grupo que quería que se entregara la solicitud a la Defensora pero en frente de todos los estudiantes.

“Aquí salieron unos infiltrados, encapuchados  que lanzaron piedras para crear el caos. Se salió de control, responsabilizamos a esos encapuchados que enviaron para sabotear y dañar la marcha que tenía un objetivo que era entregar el documento”.

También Jesús Delgado de la UCAT, reseñó que las autoridades militares y policiales son testigos de que encapuchados propiciaron el desorden que terminó en un campo de batalla. “Nosotros estamos llamando a la calma, que no haya más confrontación, aquí hay gente que no sabemos quiénes son e insisten en que esta situación se agrave para que culpen a los estudiantes”


Cientos de simpatizantes opositores marcharon este jueves en Caracas en recuerdo de los fallecidos hace un año al término de una manifestación de la oposición, lo que dio inicio a un ola de protestas antigubernamentales que dejaron un saldo oficial de 43 muertos.??


Tras concentrarse en la conocida plaza de las Tres Gracias la manifestación se movilizó en dirección a la cercana iglesia de San Pedro, templo al que no pudieron llegar debido a un cordón de seguridad formado por la Guardia y Policía Nacional Bolivariana que custodiaba el lugar.??

El alcalde del municipio Libertador, Jorge Rodríguez, informó hace unos días que esta marcha no estaba autorizada por su despacho al incumplir con los tiempos de solicitud estipulados.?? Ante la imposibilidad de acceder a la iglesia, los participantes celebraron una misa en la calle, frente al cordón de seguridad.??En la movilización estuvieron presentes, entre otras, la exdiputada María Corina Machado y la representante de las juventudes del partido Voluntad Popular (VP), Gaby Arellano.??

Con anterioridad, Machado llamó a los simpatizantes a través de su cuenta de Twitter a salir a ejercer su "derecho a manifestar en paz en la calle" y en recuerdo de los tres fallecidos hace hoy un año.? "Hoy se cumple 1 año de un día q la historia reconocerá con admiración y respeto al pueblo y repudio a la dictadura, #YoSalgoPorNuestrosHéroes", añadió poco después.??

La jornada de hace un año, enmarcada en la celebración del Día de la Juventud, supuso el comienzo de una ola de protestas en el país que se extendieron por alrededor de cuatro meses y que dejaron un saldo oficial de 43 muertos entre fuerzas de seguridad, simpatizantes del Gobierno, opositores y personas sin adscripción política.??

El líder del partido Voluntad Popular, Leopoldo López, acusado por los delitos de instigación pública, asociación para delinquir, daños a la propiedad e incendio por los hechos violentos ocurridos el 12 de febrero de 2014, usó también esta plataforma para hacer llegar su mensaje de apoyo a los jóvenes:?

"Estoy convencido de que el 2014; con Uds., jóvenes venezolanos en la vanguardia; marcó el inicio del cambio en Venezuela", publicó el político en su cuenta de Twitter.??"La dictadura nunca podrá torcer la historia con sus mentiras. Hace 1año cientos d miles d vzlanos salieron a la calle a manifestarse en paz", añadió poco después López, que se encuentra preso desde el pasado 18 de febrero del año pasado en la cárcel militar de Ramo Verde a las afueras de Caracas.??

Hace un año, al finalizar una marcha antigubernamental convocada por estudiantes y a la que se sumaron figuras de la oposición como Machado y López, se registraron una serie de incidentes violentos, principalmente ante la sede de la Fiscalía venezolana, que acabaron con la muerte de tres personas y múltiples daños en el edificio que alberga al Ministerio Público.?
?Los acontecimientos de aquel día marcaron el comienzo de una serie de protestas y levantamiento de barricadas en las calles en contra del Ejecutivo encabezado por el presidente Nicolás Maduro, que se extendieron por cerca de cuatro meses y que dejaron 43 muertos y cientos de heridos y detenidos.??El Gobierno y la oposición se acusan mutuamente de la responsabilidad por las víctimas causadas esos meses.

LEONARDO DI CAPRIO PODERÁ INTERPRETAR LEOPOLDO LOPES NO FILME : A VIDA DE LEOPOLDO LOPES OPOSIÇÃO NA VENEZUELA

Dissidente venezuelano Leopoldo López vida será feita em um filme. Então, foi revelado pelo Jaka Bizilj, diretor da iniciativa para a paz, cuja cerimônia de gala é realizada anualmente no âmbito da International Festival de Berlim (Berlinale) de Cinema.

O documentário, que poderia ser rolado pelos cineastas experientes Pamela Yates e Paco de Onís, autores de "Granito de Arena" ou "estado de medo: a verdade sobre o terrorismo", para também mostrar aspectos da turbulenta situação atualmente enfrenta a Venezuela.

"Nos próximos dias, encontraremos os cineastas para dar detalhes do caso de Leopoldo López", explicou Fredo Arias-King, Presidente do Instituto CASLA, organização com sede em Praga que aconselhará de Onis e Yates na filmagem do filme.

O caso de Leopoldo López atrai cada vez mais a atenção da comunidade internacional, desde que ele foi preso há um ano pelo governo de Nicolás Maduro e desde então continua na prisão.

A Anistia Internacional, Human Rights Watch e outras organizações de direitos humanos condenaram a prisão de Lopez porque há indicações claras de motivos políticos por trás do processo.

Em dezembro passado o Parlamento Europeu emitiu uma resolução que instou as autoridades venezuelanas "respeitar as opiniões das Nações Unidas e imediatamente lançamento Leopoldo López, coordenador nacional do Partido Social-Democrata será líder da oposição venezuelana Popular".

O venezuelano advogado Tamara Sujú, que cabeças uma campanha internacional para a libertação de Leopoldo López, disse em Berlim que ativista está sendo mantida em um militar na cadeia sob condições severas e praticamente isolaram do mundo exterior.

"Nós conversamos sobre o caso de Leopoldo López e os outros 92 prisioneiros políticos venezuelanos, com o procurador-geral do Tribunal Penal Internacional, Sra. Fatou Bansuda, que prometeu uma atenção especial a essas violações dos direitos humanos", explicou Suju.

Cinema pela paz foi criado após os atentados de 11 de setembro de 2001 contra as torres gêmeas, a fim de lutar contra a violação dos direitos humanos, a desigualdade social e a mudança climática.

A iniciativa é apoiada por figuras do mundo como Mijail Gorbachov, Nastassja Kinski, Mohamed Ali e Leonardo Di Caprio.

CASO EDUARDO CAMPOS TEM REVIRAVOLTA

Segue a nota que o MPF acaba de remeter a este blog:
Acidente que matou Eduardo Campos completa seis meses nesta sexta-feira; causas permanecem desconhecidas

Após seis meses de investigações, o Ministério Público Federal em Santos descarta por ora a responsabilização dos pilotos que conduziam o jato Cessna 560XL prefixo PR-AFA que caiu no município em 13 de agosto do ano passado. 


O acidente causou a morte dos sete ocupantes, entre eles o ex-governador de Pernambuco e então candidato à presidência da República Eduardo Campos. Segundo o procurador da República Thiago Lacerda Nobre, que acompanha o andamento do inquérito policial sobre o caso, ainda não é possível apontar a causa exata da queda, embora a apuração já tenha permitido excluir algumas hipóteses, como a absorção de aves pela turbina.
Há evidências de que procedimentos de voo não foram respeitados quando o jato se aproximou de Santos para o pouso. No entanto, a repentina piora das condições climáticas na região pode ter interferido na condução da aeronave, e não se sabe se os pilotos, em trânsito, haviam sido comunicados sobre essas mudanças do tempo. 

Sem os dados da caixa preta disponíveis, ainda não foi possível descobrir o conteúdo do diálogo entre eles nos minutos que antecederam o acidente. Informações preliminares indicam que a gravação de voz na cabine não foi realizada, o que dificulta a investigação.
Nobre destaca que o jato estava com a manutenção em dia e que piloto e copiloto tinham habilitação e estavam familiarizados com o equipamento. Além de terem treinamento para aviões semelhantes ao Cessna 560XL, “eles já conduziam aquela aeronave havia alguns meses e existia, inclusive, vinculação daqueles condutores à apólice de seguro firmada”, ressalta o procurador. 

Segundo regulamentos internacionais, era necessária a realização de cursos complementares, porém não houve exigências da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) nesse sentido, de acordo com as investigações.

SEGURO. Nobre também é responsável pelo procedimento administrativo que visa ao pagamento de indenizações e à reparação de danos materiais. O jato estava assegurado por uma apólice da Bradesco Seguros. 

O MPF ainda apura se houve inadimplência por parte dos contratantes, mas há informações de que o seguro estava vigente, pois a companhia não comunicou oficialmente a rescisão do contrato. O valor a ser pago pela empresa poderá se destinar às famílias das vítimas e aos proprietários de imóveis avariados no entorno do local do acidente.

Anuncio

Seguidores

CAMPANHA PRA VENEZUELA

CAMPANHA  PRA  VENEZUELA
PRECISA DE AJUDA HUMANITÁRIA

As principais matérias do blog