Nossos Leitores Obrigado Por Ler

Terrorismo Cibernético Tira do Ar Sites TJ-SP, MP-SP e governo do estado saem do ar após ataque mundial





RENATO SANTOS 12/05/2017  Estamos vivendo ao terrorismo cibernético no Brasil , se são capazes de fazer nos sites dos órgãos públicos imagina em nossos escritórios  ou casas.Um ataque cibernético mundial atingiu computadores do Tribunal de Justiça de São Paulo nesta sexta-feira (12/5) e deixou fora do ar os sites da corte, do Ministério Público, do governo estadual e do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região.



O TJ-SP afirmou, a princípio, que havia suspendido o site por precaução, pois não haveria registro de qualquer computador atacado, mas depois confirmou ter detectado “máquinas infectadas”. Servidores de fóruns na capital e no interior receberam avisos em computadores e publicaram imagens em redes sociais.
Globo News afirma que passa de 70 o número de países atingidos. O ataque, conforme a emissora, embaralha informações digitais e cobra bitcoins (moeda digital) para que o usuário volte a acessar dados normalmente.
Uma das mensagens recebidas no Judiciário paulista fixa três dias para o pagamento. “Depois disso o preço será dobrado. Além disso, se você não pagar em 7 dias, você não será capaz de recuperar seus arquivos para sempre”, diz o texto, em português. “Ninguém pode recuperar seus arquivos sem o nosso serviço de descriptografia.”
A corte paulista suspendeu prazos processuais, mas afirma que o expediente é normal, inclusive para advogados que precisarem de informações.
O tribunal e o MP-SP determinaram que todos os fóruns, prédios do Judiciário paulista e promotorias mantenham computadores desligados nesta sexta. Já o TRT-2 afirma que apenas suspendeu o site temporariamente, de forma preventiva, mas as atividades continuam normalmente.
Risco
No caso do Judiciário paulista, existe maior risco aos computadores de usuários contaminados por vírus, e não ao banco de dados geral, de acordo com Rafael Stabile, gerente de Operações da Softplan (empresa responsável pelo portal e-Saj). 


Segundo o jornal Folha de S.Paulo, ao menos 16 hospitais públicos do Reino Unido tiveram computadores bloqueados, e também há relatos de problemas em países como Rússia, Japão, Turquia, Filipinas e Alemanha.
Segundo ele, o sistema de segurança no tribunal tem várias barreiras para impedir acesso de terceiros aos dados processuais.
* Texto atualizado às 18h05 do dia 12/5/2017 para acréscimo de informações.
font: Conjur-Globo News,Folha de São Paulo

Anuncio

Seguidores

CAMPANHA PRA VENEZUELA

CAMPANHA  PRA  VENEZUELA
PRECISA DE AJUDA HUMANITÁRIA

As principais matérias do blog