GAZETA CENTRAL INSTAGRAM

Guerra do Poder Cinco Reis e Nenhuma Plataforma Política Temos que começar a cobrar eles





RENATO SANTOS  23/07/2018   A  Guerra  pelo Trono versão Brasileira  já começou, temos  cinco reis das  cinco  representatividade politica, agora  conteúdo nenhum  ninguém deu  suas cartinhas  escondidas  nas mangas. 



A disputa pelo Palácio do Planalto começou oficialmente na última sexta-feira. De lá para cá, cinco partidos lançaram candidatos à Presidência da República.


O PDT, Partido Democrático Trabalhista, lançou Ciro Gomes. Ex-ministro da fazenda, no governo de Itamar Franco, e ex-ministro da Integração Social, no governo Lula, Ciro já foi governador do Ceará, prefeito de Fortaleza, e deputado federal. O PDT ainda não apresentou alianças partidárias, nem o candidato a vice da chapa.


O PSTU, Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado, lançou a candidatura da sindicalista sergipana Vera Lúcia e o ativista Hertz Dias como vice. Ela foi operária na indústria de calçados e hoje é professora do Instituto Latino-Americano de Estudos Sócio-Econômicos. O PSTU informou que não fará coligações partidárias.


O Partido Social Cristão, o PSC, lançou como candidato a assumir o Planalto o ex-presidente do banco BNDES, Paulo Rabello de Castro. Rabello é economista e já presidiu também o IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas. O PSC não escolheu um vice para a chapa e não divulgou alianças partidárias.


Já o partido Socialismo e Liberdade, o PSOL, lançou como candidato a presidência o coordenador-nacional do MTST, Movimento dos Trabalhadores Sem Teto, Guilherme Boulos, e a liderança indígena Sônia Guajajara como vice. Boulos é formado em filosofia na USP, a Universidade de São Paulo. O PSOL também não anunciou alianças partidárias.


Por fim, o PSL, Partido Social Liberal, lançou a candidatura à presidência do deputado Federal Jair Bolsonaro. Capitão do Exército reformado, Bolsonaro está no sétimo mandato na Câmara dos Deputados. O PSL ainda não formou alianças com outros partidos nem divulgou quem será o vice da chapa.


O prazo para as convenções partidárias, que definem os candidatos a presidência, termina no dia 5 de agosto. Os partidos terão até o dia 15 do mês para registrar os nomes na Justiça Eleitoral.

Anuncio

Seguidores

CAMPANHA PRA VENEZUELA

CAMPANHA  PRA  VENEZUELA
PRECISA DE AJUDA HUMANITÁRIA

As principais matérias do blog