AS COISAS VÃO MUDAR NO BRASIL DIAS TOFFOLI, ABRE MÃO DA DILMA E TEMER, A CASSAÇÃO DA DILMA E TEMER SERÁ COLOCADA EM PAUTA ASSIM QUE A RELATORA MINISTRA MARIA THEREZA LIBERAR O PROCESSO, E AINDA ABRE AS PORTAS DESTA VEZ O TPS ( TESTE PÚBLICO DE SEGURANÇA) DAS URNAS, SE CASO A DILMA FOR CASSADA JUNTO COM TEMER, SÓ UM HOMEM PODERÁ ASSUMIR A PRESIDÊNCIA COMO INTERVENTOR NAS ENTRELINHAS JOAQUIM BARBOSA EX MINISTRO DO STF, ALGO ESTA MUDANDO



RENATO SANTOS
19/02/2016

O famoso  jogo da tesoura, em quem  colocar a  fé, na realidade  a cassação da  chapa  DILMA  TEMER, não deveria  ser  a bandeira do PSDB, e  sim  do BRASIL, de um povo que está  vendo  o PAÍS sendo  desmontado  em todos  os  aspectos, mas,  o que esperar  de um povo  que prefere  mais CARNAVAL  e  as OLIMPÍADAS   do que  SALVAR  seu PAÍS  de caos  que  esta  jogando no abismo do inferno.



Seria  mesmo  uma " luz  no fundo do túnel" ou  não, mas  tudo indica  que DIAS  TÓFFOLI  pode estar  jogando  dos  dois lados, mas, pode ser  uma saída dentro do  processo democrático sem a interferência  das  forças  armadas  brasileiras.

Se essa  chapa  for cassada que assumirá a Presidência da República, RENAN não pode pois  há  indícios  contra  ele, EDUARDO CUNHA, piorou, Presidente  do STF  nem  poderia, mas  pela primeira  vez  um Presidente  do TSE, poderia, nesse caso GILMAR  MENDES, que no  Prazo  Previsto  poderia  nomear como Interventor  o  ex Ministro do STF  JOAQUIM BARBOSA.

E  do jeito  que anda a  troca troca dos partidos  dentro  da CÂMARA  DOS DEPUTADOS E  DO SENADO FEDERAL, poderia  ser apresentado  para  o CONGRESSO, através  do PRESIDENTE  DO  TSE, pela  primeira vez na  HISTÓRIA DA REPÚBLICA  DO BRASIL, e teria  o total apoio  dos EMPRESÁRIOS, DO MERCADO FINANCEIRO, e de toda a SOCIEDADE  BRASILEIRA, até convocar as  eleições  para PRESIDENTE, por  isso que  TEMER  saiu logo  na frente  caso não seja  cassado que  duvidamos  muito. 

Para alguns  pode  parecer  impossível  e  não tem lógica, mas se você  parar  para pensar o que  esta  oculto dentro das entrelinhas, então vai entender  o que  estou  escrevendo.

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Dias Toffoli disse hoje (19) que a ação de investigação em que o PSDB pede a cassação do mandato da presidenta Dilma Rousseff e do vice, Michel Temer, será colocada em pauta quando for liberada pela ministra-relatora.

“O processo tem uma relatora e é a relatora que vai conduzir este processo. Então, eu não posso aqui passar por cima da relatora e estabelecer prazos,  porque ela vai ter que estudar este processo e vai ter que trazer e liberar isso a julgamento”. A relatora da ação é a ministra Maria Thereza. 

“E assim que ela liberar para julgamento, o que eu posso garantir, estando eu ainda na presidência, colocarei em pauta imediatamente”, completou Toffoli.

O presidente do TSE foi questionado pelos jornalistas sobre a implicação da Emenda Constitucional (EC) 91/2016 nas eleições. Promulgada nesta quinta-feira (18), a EC abre espaço para que os candidatos às eleições deste ano, que exercem mandatos de deputados ou vereadores, mudem de legenda. “Isso só a realidade vai mostrar”, disse o ministro.

Toffoli lembrou decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de que o mandato pertence ao partido político: “Há alguns anos, o Supremo Tribunal Federal tomou uma decisão estabelecendo que o político que deixa o seu partido perde o mandato porque o mandato é do partido político”.

Toffoli esteve nesta sexta-feira em um workshop realizado pelo TSE para jornalistas sobre o funcionamento do Teste Público de Segurança (TPS) do Sistema Eletrônico de Votação. 

O teste será realizado nos dias 8, 9 e 10 de março. Uma resolução do ano passado passou a disciplinar o TPS. “Nós estabelecemos como regra fazer antes das eleições, a partir de agora,  o teste de segurança das urnas eletrônicas para trazer maior tranquilidade e maior segurança para o cidadão de que a urna eletrônica é confiável”.


De acordo com o presidente, o teste consiste em convidar especialistas para testar o sistema. “Em que consistem esses testes de segurança? Consistem em convidar especialistas com alto conhecimento tecnológico a encontrar alguma falha nos sistemas dos programas da justiça eleitoral. E a partir daí, se algo for descoberto,  corrigi-la”


Anuncio

Seguidores

CAMPANHA PRA VENEZUELA

CAMPANHA  PRA  VENEZUELA
PRECISA DE AJUDA HUMANITÁRIA

As principais matérias do blog