Nossos Leitores Obrigado Por Ler

A Decisão de Donald Trump em acabar com o acordo feito pelo Comunista Barak Obama é por o Fim na Brisc's e Fazer Democracia na VENEZUELA E CUBA Prosperar Comunistas Odiaram a Decisão do Presidente Americano





RENATO SANTOS 17/06/2017  A  repercussão da  decisão do Presidente Donald trump deixa  Nicolas  Maduro  preocupado, e  com mais  ódio, pois as  coisas  não estão indo muito bem para  um ditador assassino.  


A qual  não respeita a democracia e nem a vida, ele,  só  para começar não é  cidadão venezuelano e sim Colombiano, tomou a  " posse"  do país  com  apoio de outro ditador assassino falecido  Fidel  Castro. 

E  para complicar a  esquerda  idiotizada do Brasil deu  apoio através de  outro  ditador Inácio Lula da Silva ex presidente do país e da Dilma outra terrorista  com projetos de  implantar o foro de são paulo apoiado pela  Bric's além de uma " imprensa"  suja e comunista de  boa parte da América latina.

O esquema de uma " grande pátria"  com um comandante geral que era  Fidel Castro e  seus  apoiadores, só não deu certo por um detalhe o povo americano acordou e  a tempo, por causa do erro de NICOLAS MADURO, que pois  tudo a perder, quando  entregou a Nação nas mãos dos comandantes da Força Aérea Cubana .

Esse  seria o  golpe  que queriam dar, mas o Brasil  ainda  corre sérios  riscos, quando  MICHEL TEMER, recebeu em Brasilia no ultimo mês a LILIAN TINTORI esposa  do líder oposicionista LEOPOLDO LOPES, a qual  deu seu apoio ascendeu um  ódio grande  dos comunistas  idiotizados  inúteis, que  ainda  sonham com as  doutrinas  velhas  de Kal Marx, e de querem as  eleições  diretas já  para eleger  o maior criminoso de nossa  história.

São tão dementes em seus  sonhos, que eles  sabem  o mau que causaram a VENEZUELA, e  seguem a mesma cartilha de madridistas, impor  suas posições nem que  custa sangue de inocentes. 

O que esperamos,  o cerco Donald Trump esta  fazendo exatamente isso,mas, a  imprensa  comunista não gostou então ataca  o seu governo como fizeram na França, na Inglaterra e agora  no próprio Estados Unidos  e  no  Brasil, enquanto  na VENEZUELA  a Imprensa  mostra a verdade, a qual algumas emissoras de Tv no  Brasil já estão  mostrando a  triste realidade do nosso querido  povo.

Donald Trump  esta  negociando com  a  Russia  para não mais apoiar NICOLAS  MADURO  e  CUBA, aos  poucos  PUTIM, já esta concordando, agora  RAUL CASTRO se quiser continuar a  receber  dólares americanos  precisa  concordar com os novos  termos do  acordo e  deixar  as  velhas  "  coisas" de lado, diferente da  política de  HAVANA, quando se  muda um presidente  americano  tudo se renova, uma delas  é  a Liberdade do povo  cubano e  venezuelano esse  não tem preço.

Nicolas  Maduro  o ditador  nazista  não gostou  nada de saber da decisão do Presidente Donald Trump em cortar  o acordo feito  pelo comunista fabianista barack Obama ex  presidente Americano.

Nicolás Maduro, presidente de la República, rechazó las decisiones de su homólogo en Estados Unidos, Donald Trump, de cambiar sus políticas hacia Cuba, manteniendo el embargo y restringiendo actividades económicas de su país con la isla. 
"Cuba no está sola y tendrá la solidaridad del mundo. Hoy comenzó un nuevo ciclo de agresión contra el pueblo cubano", dijo Maduro. 
Acusó a Trump de querer invadir Cuba para derrocar al gobierno liderado por Raúl Castro. Criticó que en Estados Unidos haya "desempleo, pobreza y miseria", mientras priorizan medidas intervencionistas. 
Desechó las medidas de Obama

Entre las desiciones oficializadas por Trump, destaca el hecho de mantener la implementación del embargo que mantiene Estados Unidos con Cuba y prohibir que ciudadanos de su país hagan turismo en la isla. 
El líder de la Casa Blanca exigió que se libere a los denominados presos políticos y que se hagan elecciones libres, secretas y directas con observación internacional. 

Anuncio

Seguidores

CAMPANHA PRA VENEZUELA

CAMPANHA  PRA  VENEZUELA
PRECISA DE AJUDA HUMANITÁRIA

As principais matérias do blog